Fairy Tail Eternum
Fórum role-play de Fairy Tail.
15/07 O tópico de regras foi atualizado com algumas informações referentes ao nickname de suas contas. Pedimos para que leia e caso esteja irregular, solicite a modificação para um administrador.

08/07 Lembramos a alguns usuários que os avatares precisam estar obrigatoriamente no tamanho 250x400, pedimos para que atualizem-os, afim de deixar o código ajustado de forma correta.

08/07Após algumas semanas de diversas mudanças, acreditamos que desta vez, o layout do fórum estará em sua forma definitiva. O problema dos links de acesso rápido foram consertados.
Últimos assuntos
» Registro de magias
Qua Nov 14, 2018 1:00 am por Crimson

» Ficha - Adam Schneider [Em Construção]
Ter Nov 13, 2018 1:40 pm por Schneider

» [Parceria] The Leaky Cauldron
Dom Nov 04, 2018 11:37 pm por Rebeca Pieterse

» [Parceria] - Fighters RPG!
Dom Out 21, 2018 1:26 am por Fightersrpg

» [PARCERIA] Blood Survivors RPG
Seg Out 08, 2018 2:12 pm por BS RPG

» Chegando com o pé na porta.
Sab Out 06, 2018 1:00 am por Death

» [Procurados] Carnificina Rage
Qui Out 04, 2018 7:27 am por Death

» [RP atemporal] - Um mundo cinza
Seg Out 01, 2018 3:10 pm por Nie Li

» Registro / Solicitação de narrações
Seg Out 01, 2018 9:01 am por Nie Li

» [Treinos] - Nie Li
Seg Out 01, 2018 8:59 am por Nie Li

» [ - TREINO - ] Testando limites
Sex Set 28, 2018 6:47 pm por Cameron Dupont


[Trama] Lembranças que podem se tornar vivas

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Postado em Qui Ago 09, 2018 12:52 pm

Relembrando a primeira mensagem :

Lembranças que podem se tornar vivas


Estranhamente, uma carta com um selo parecido com o selo imperial havia chego até vocês algumas no bolso das roupas, outras abaixo do travesseiro. Não importa o como você leu o conteúdo da carta e nela estava escrito:

Se você quer saber quem é a pessoa dos seus sonhos ou lembranças, me encontre no porto do norte de Fiore no porto das despedidas e reencontros.
Esta pessoa esta passando por um grande problema e precisa da sua ajuda para poder viver. Sem você ela não terá a mínima chance de voltar. Não estranhe por não lembrar dela pois isso tudo é resultado de uma magia profana.
Att: O informante


Bom para quem aceitou o que a carta dizia, rumou para este lugar e próximo a um navio de madeira pequeno aguardava um homem com capas negras segurando um envelope parecido com o que vocês receberam.


OBS: A ordem será a de chegada, quem chegar primeiro posta primeiro, depois do Narrador não esperem ngm para postar. Boa sorte.


Jogadores da trama
Blair
Candy
Cheshire
Eda
Pharos


____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo


Postado em Ter Ago 28, 2018 3:53 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


Ele observou os demônios demonstrando uma genuína repulsa, não, necessariamente ele estava um tanto conflitante em entender aquele papel entre o Idoso e os demônios. Não havia nenhum sentimento que o atraísse até o velho, assim, como não havia nada que o fizesse ir contra os demônios - Talvez de forma impulsiva, mas fora isso, não havia nada que ele fizesse questão de fazer, tanto em ajudar como em lutar. Além disso, tentava entender como lidaria com tantas coisas em um único momento, pois, ele percebeu que não teve mudança nenhuma no idoso; Culpa, desprezo ou até mesmo vergonha em ter de ouvir sua birra recente. Esse tipo de coisa o levou a acreditar em duas coisas. O idoso não era importante, assim como também não era algo com o qual ele pudesse interagir. Partindo desta ideia ele parou e pensou… ELe estava alí para incitar algo em Elis? O sorriso de canto de seus lábios fora algo incongruente e que, de fato. Jamais mostraria a Pharos.

Em contra partida. Havia aquele enjoo constante que não mudou desde que havia chegado ali, jamais tinha sido vítima disso e isso o exauria.

— A não ser pelos três demônios, todo o resto é tão… Superficial. —

Incapaz de segurar seus anseio para aquilo comentou o que sentia, não obstante ele observou com atenção os demônios em especial os dois no qual havia mudado de cor, sentiu seu peito expelir um interessante “hmm” com aquilo, já havia visto aquilo em algum lugar? Infelizmente não se lembrava. No entanto havia outra coisa, um outro demônio havia alcançado voo de forma irritante, apenas agora sentiu a falta de ter Pharos junto a ele, seria mais simples combater tais seres com suas manobras beirando a zombaria mas estava sozinho alí…

Enquanto permanecia de braços cruzados, ele também pode sentir uma espécie de dificuldade em usar sua mágia. Não seria o bastante para retardar a um ponto de ficar indefeso, mas ainda sim, fora um golpe estranho ter de lidar com isso. Havia uma espécie de custo maior em se concentrar, quase como se precisasse usar um amontoado muito maior para fazer um efeito básico. Se era devido ao enjoo que sentia, não sabia.

Os monstros pareciam determinado a combater, mas certamente Elis apenas continuou na mesma postura aproveitando de seu ângulo para encarar todas as tres criaturas.

— Eu nem mesmo lembro dele, nem mesmo sei o motivo de estar neste estado estranho de enjoo. E ainda mais. —

Pisou contra o chão do local sentindo o impacto passando da sola de seu pé até os ossos. Uma maneira simples e eficaz de mudar o seu propio estado mental e fortalecer suas palavras.

— Venham até mim, será mais simples vocês adquirirem a determinação em me ferir do que eu perder meu tempo esperando entender esse cenário. —


Concluiu com um tom confiante, esperava alegremente em contra-atacar aquelas criaturas que tanto desprezava.

HP:  220/225
MP:  375/375

Percepção: 30 + 17 M/S

MoveSpeed: 0 M/S

EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 28, 2018 9:30 pm




Lembranças foram apagadas...
Eu estava com medo, não poderia negar que estar sozinho contra três monstros é uma coisa fácil, minhas habilidades são tão limitadas quanto a minha vontade de caminhar ao invés de voar. - O que está de errado com você, não consigo te entender. Falei em um alto tom enquanto recuava meu clone para perto de mim, segurando aos mãos dele novamente o lancei contra o monstro da qual me fixava, tratei de voar na direção dele na velocidade máxima, desviando de futuros golpes que iriam vir para me atrapalhar... Comandei o meu clone a ficar ao lado do monstro "debilitado" e eu segurei a cabeça dele, comandei meu clone para segurar o braço da lamina, ele seria danificado, mas me daria tempo o suficiente. Começaria a voar o mais rápido possível, sem parar, com toda a velocidade possível, como se o meu sonho fosse encontrar as estrelas. Tentei ao máximo bater contra o vento e o céu não seria o meu limite e que caso o clone fosse desfeito, certamente chamaria outro para novamente abocanhar com a boca o braço do monstro. - Seja quem for que estás fazendo isso, não é nada engraçado! NHAAA.


Técnicas:


Nome: Attacker Clone
Rank: D
Base:Ataque
MP Gasto: ---
Duração: Instantâneo
Alcance:10 M/S
Descrição: Pharos só pode atacar com essa técnica se estiver voando e um clone estiver por perto, ele simplesmente segura o braço do clone, o gira e o lança (o clone) em direção ao inimigo, o clone sofrerá dano corporal, mesmo acertando ou não o inimigo. Mas vai dar dano caso acerte o alvo. (O HP que ele vai perder se acertar o inimigo ou não, vai depender da estrutura que o mesmo acertar)

Clone Magic / 20 Mp (Reativando o clone - 20)- 10 por Post para Manter.
Status
HP: 300/305/MP: 190/280. Euzinho, alone, nha.   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sab Set 01, 2018 11:32 am

Lembranças que podem se tornar vivas


Sentimentos de dor e angustia tomavam  o corpo de cada um dos aventureiros, pois algo parecia estar errado a medida que o tempo passava estranhamente ouvia-se soes de vidro trincando e partindo. ao olharem para o chão notava-se que ate mesmo quem estava acima de areia que a mesma não demonstrava ser fofa como deveria ser. Chão, teto, piso e céu tudo que aqueles que estavam ali viam começava a trincar como se algo forçasse uma parede de espelhos.
A medida que os barulhos das rachaduras vinham a aumentar se tornando ensurdecedor feixes de luz passavam por tais rachaduras. Uma grande explosão acontece e tudo a volta de de todos fazendo com que antes os cenários que viam voltem a se tornar o barco onde estavam. As criaturas antes vistas na verdade eram os próprios tripulantes por meio da ilusão.

Heiko: -Agora que já pararam de brincar com a Nevoa ilusória podem se preparar, já estamos chegando o vale do gelo enterro

A primeira vista parecia ser somente um aglomerado de rocha e gelo mas quando se aproximavam dava para ver o que realmente havia ali; um grande forte de gelo verdadeiro.

A barco aos poucos pairava sobre a água e atracava dentro de um imenso lago quase congelado. Heiko olhava para todos, balançava a cabeça negativamente enquanto descia o pranção para a descida do barco.
____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sab Set 01, 2018 4:04 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


Havia um contraste estranho com a espera que se sucedeu, alegria se tornou tristeza. A certeza do combate se tornou um estranho sentimento de ansiedade. Nenhuma daquelas criaturas se colocou a frente para o combate, mas, quase ao fim da espera um som de trinco e vidro começou a ecooa pelo ambiente.

Olhou de um lado para o outro sem entender direito, levantou as mãos se dirigindo para as criaturas alí em uma breve e ultima frase.

— Não fui eu. —

A entropia do local começou a afetar até mesmo o garoto, cada vez mais as rachaduras começavam a ficar maiores e nitidas. Elis olhou para o chão, voltando a se virar e olhar para os demonios e consequentemente encarando o idoso: Lentamente seu corpo começava a estilhaçar como em um vidro, sinistro e interessante, mas ao mesmo tempo reconfortante. Não era ELE e mesmo que fosse, ainda não se lembrava, por isso deu de ombros assistindo o fim daquilo tudo com certa ansiedade.

Então a luz começou a invadir o local pelas frestas, até se expandir tornando tudo como deveria ser. Ele olhou por alguns segundos para o restante da tripulação até ouvir Heiko, levantou mas logo se ajoelhou e apoiou as costas sentindo o enjoo tomar conta.

— Um cachecol que absorve mágia faz maravilhas para o ego. —

Resmungou enquanto se apoiava na mureta do barco. Certo, Elis pode sentir que ainda estava no navio, provavelmente a névoa era banhada com uma densidade maior de Ethernano da atmosfera. Ao menos era isso que Elis entendeu ao ver o homem ainda muito bem depois disso tudo, mas era um um tema em que ele não tinha lá muita segurança em tocar. 

Não havia muita coisa para ver enquanto navegava, gelo, água e mais gelo. Então quando Elis menos esperava um grande casa(forte) de gelo fora avistada. Ele não pode deixar de soltar um grande “Ohhh” Com a visão, era magnífico tal coisa, provavelmente a moradia da tal bruxa do norte.

Elis fora o primeiro a descer! E quando tocou os pés no gelo ele sentiu o enjoo desaparecendo de tal forma que cantou erguendo os braços em direção de Pharos.

— Livre estou, livre estou! —

Então esperou por Heiko, só então perguntou algo que todos queriam saber.

— O que leva você a acreditar que a bruxa daqui vai cooperar com a gente? Ela não parece alguém que vai convidar a gente para o chá das 4. —



HP:  220/225 
MP: 375/375

MoveSpeed: 2 M/S

EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Seg Set 03, 2018 2:21 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
Meus olhos permaneceram fechados, enquanto eu confiava em meus pensamentos, de que nada daquilo seria de fato real. Poderia ser tudo obra de outra magia profana, seja seu conjurador a tal da bruxa ou até mesmo Heiko. Não confiava de fato em ninguém ali, o que me restava permanecer confiando em meu próprio eu. Um silêncio se estabeleceu após as minhas a palavras, não se escutava mais nada. Até um certo ponto onde um som esquisito começou a invadir os meus ouvidos, parecia o mesmo barulho de algo se trincando. Ao abrir novamente os olhos, pude observar tudo a minha volta começando a se despedaçar, tudo em minha visão tornava-se como cacos de vidro cada vez mais despedaçados. As rachaduras aumentavam gradativamente, e os buracos deixados pelas partes já despedaçadas eram preenchidos por feixes de luz. Uma luz branca e forte o suficiente para me fazer querer fechar os olhos novamente.

— Então... — Como eu estava supondo, aquilo não poderia ser real. E tudo a minha volta agora afirmava o que estava acontecendo.

Aquele quarto que antes eu estava não passava de uma alucinação. Após tudo se despedaçar e os feixes de luz se dissiparem, o cenário voltou a ser o que era: o barco. Cada criatura eram os outros tripulantes, cada qual representava um. A criatura alada era aquele pequeno gatinho, que ainda tinha asas. Enquanto que o que tinha uma lâmina, era Candy, a demônio cor de rosa que se mostrou capaz de manipular sua pele a ponto de transforma-la em uma espécie de metal. E por último, a criatura que não havia se manifestado de maneira alguma, era aquele pequeno garoto.

— Ufa... quer dizer que Lucy ainda está bem... — Sussurrei de maneira que dificilmente alguém poderia ouvir. Estava aliviada, até minha musculatura se relaxou por um instante, em meio ao arfar que automaticamente expressei ao ter a confirmação de que tudo era uma ilusão e Lucy ainda estava a salvo.

Heiko se pronunciou como num deboche, então realmente seria ele o causador do nevoeiro somado a ilusão das criaturas. Logo, poderia ser mesmo o teste que eu pensei que ele estaria fazendo com a gente. Porém, acho que é mais inteligente eu não o questionar, parece tudo bem até então. Apenas enrolei meu chicote de volta a minha cintura e guardei minha faca. Olhei para o horizonte e consegui observar que estávamos nos aproximando de algo. O garotinho parecia estar incomodado com a viagem, enjoado assim como Candy, enquanto que eu e os demais estávamos seguindo sem se importar tanto com a maresia. O que os dois teriam em comum?

Ainda olhava para aquele aglomerado de terras, que aos poucos tomava sua forma, até nos aproximarmos o bastante para que ele parecesse um grande forte de gelo. Logo o barco se atracou nas margens. Heiko foi o primeiro a descer, e em seguida o garoto. Então, apenas apressei-me para sair dali, porém ainda matinha certa cautela em meus passos. O menino pareceu ficar bem contente ao deixar o barco, enquanto que questionou Heiko.

— Ele tem razão. Como pretende lidar com a bruxa a partir daqui? — A pergunta do garoto fazia realmente sentido. Não tem muito sentido a bruxa cooperar conosco tão facilmente, a troco de nada.



HP: 495 | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Ações com base na tentativa.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Set 04, 2018 11:03 am




Lembranças foram apagadas...
Não estava mais sentindo as minhas asas, eram como se elas não estivesse mais ali, na realidade eu não estava voando e simplesmente socava o ar. Foi como se um espelho fosse quebrado e os estilhaços jogados para cima de mim, o que me fez literalmente acordar com a explosão de sentimentos. - Nhaaa, isso me deixou cansado, Domi... Corri em direção ao garoto e abracei gentilmente uma de suas pernas, meu clone ainda ativo se manteve atrás de mim, lambendo as suas patas despreocupados com tudo. A mulher lata não me parecia feliz, apesar de parecer visivelmente rancorosa. - Onde você fez esse cachecol, moço? Tem da cor marrom? ... Demonstrei um sorriso e em sequencia comecei a rir um pouco, era engraçado como algo tão simples pode aumentar tanto o ego de uma pessoa. A viagem seguiu de um rumo esquisito, afinal, o barco tem, como obrigação, chegar a um final.

Fiquei a observar toda a expansão do terreno, o mar, o gelo que aos poucos se tornava presente na água. Revirei os olhos e com o fechamento deles, minutos depois acordei em meio a sacudidela do navio. - Finalmente, nha... Saltei para fora do meio de transporte e estiquei de modo fofo as minhas patas. Não é legal ficar em algo que fica indo par acima e para baixo, andar em terra firme me deixou mais tranquilo. Apesar de tudo isso, uma questão fora levantada por Domi, o que me fez pensar em uma outra frase. - Se ela mora em um lugar assim, provavelmente é porque não gosta de visitas, nha. Gesticulei com a mão como se tivesse falando algo super importante, mas apenas disse o óbvio.


Técnicas:


Clone Magic / 20 Mp (Reativando o clone - 20)- 10 por Post para Manter.
Status
HP: 300/305/MP: 180/280. Euzinho, alone, nha.   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Set 07, 2018 7:50 am


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
 Nos lábios da dragon Slayer ainda havia um estranho sorriso macabro. Por algum motivo todo aquele combate mal iniciado seria bom para espantar a fúria que sentia em seu interior — malditas criaturas…. Você sabe ... — antes que sequer começasse a terminar sua frase um pequeno trincado foi capotado por sua sensível audição . Logo outro e mais outro — Mas que porra e essa? — murmurou até que o que parecia antes ser o cenário de uma estranha luta, voltava a ser o barco onde sempre estivera com os outros magos.

O mensageiros, ou melhor, Beijo parecia desapontado com tudo aquilo, mas Candy não ligara para o mesmo — Porque não veio ajudar se sabia com o que lidavamos? — perguntou de forma baixa enquanto aos poucos seu corpo voltava ao “normal”. O metal aos poucos dava espaço a coloração de pele branca bem semelhante a um humano comum, mas seus olhos de globos negros e íris amareladas não negavam sua famigerada origem.

Sem muitas firulas, Candy desceu em silêncio tocando o solo gélido apenas aguardando que fossem guiados a tal mulher que lhes ajudaria.


205/210
300/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Set 11, 2018 10:30 pm

Lembranças que podem se tornar vivas


Ao ver que muitos estavam descrentes pelo que acontecia ali Heiko respirou fundo  enquanto caminhava em direção a fortaleza

-O inimigo dela é o mesmo que o nosso e ela esta prezando para que o pior nao aconteça.

uma voz feminina completava o Heiko dizia

- E por mais que eu já havia prometido que não interferia no futuro nem no passado, se eu não ajudar implicara com na minha existência.

Uma mulher estranha caminhava em direção ao grupo vindo por traz da embarcação. A esfera que antes flutuava a frente do barco agora pairava diante de sua mão. era estranho pois atrás da embarcação só havia uma fina e quebradiça camada de gelo. uma pequena sombra do navio ainda encobria seu rosto

Então são esses o que conseguirão servir de guia para trazer aqueles mortais de volta Heiko? Tem certeza que vc ja nao tem poder o bastante para enfrentar sozinho o Ex-presidente do concelho?

Heiko apertava com força o cabo de sua espada como se enfurecesse porem ajoelhava-se diante dela e clamava

-Por favor, a honra de mu nome esta em jogo, sem contar que eles somente morreram porque eu solicitei a ajuda de não militares, preciso tirar este peso de meus ombros.

-Pois bem, Irei me apresentar a voces. Me chamo Urutea.

Ela caminhava saindo da sombra para que vissem seu rosto



____________________________________________
Peço desculpa pela demora mais estava ajeitando algumas coisas na minha vida que estavam atrazadas e outras coisas que mudaram minha rotina mas estarei mais presente.



(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Set 11, 2018 11:10 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


Por um curto momento ele achou que o homem estava brincando, provavelmente, tal impressão se sucedeu por desconhecer a real extensão dos poderes do presidente do conselho. Elis esfregou o nariz um pouco incomodado com o frio, porventura também estava um tanto pensativo em considerar a real ameaça que Heiko dizia do presidente, pois até o momento. Não havia nenhuma informação do quão perigoso tal homem se tornava para eles.

Neste pequeno espaço de tempo uma voz feminina fora ouvida pelo garoto, sentiu um tanto estranho. Quase como se não fosse algo tão fácil como a mulher parecia fazer, caminhar pelo gelo fino era algo que denota uma sensação de habilidade que até o momento não era simples de imitar, embora possível. Não era simples engolir aquilo para ele.

Com o gesto de Heiko, Elis se sentiu um pouco hesitante. Mas incapaz de se suportar ele começou a perguntar de maneira costumeira sem se acanhar, mesmo ainda presenciando a total forma respeitosa do comandante do cavalheiro.

— U-r-u-t-e-a. —

Soletrou de modo complicado, provavelmente por ser um nome estranho de dizer ou que reverberava de um modo, talvez, histórico? Sentiu-se triste, seria muito mais legar ter tido o tempo necessário para ter aprimorado seu conhecimento na história do mundo. De fato. Teria sido mais empolgante tal apresentação se assim fosse.

— Ehhh, tenho que me prostrar também? Yoko gostava desse tipo de coisa, mas eu realmente nunca me acostumei a fazer isso… Provavelmente era modo de ele me treinar em uma coluna pouco flexível. —

Imediatamente ele sentiu um “Oh” em sua mente, havia novamente dito coisas desnecessárias, pois, assim que terminou sentiu uma breve coceira no pescoço e as nostálgicas veias azuladas retornarem como um lembrete.

Assim, como se alguém lhe tivesse sussurrado ele ficou em cócoras futucando o gelo, provavelmente preocupado em ter falado algo que não deveria. Mas no fim, ele apenas esperou, pois para o momento sua questão anterior tinha sido respondida sem problemas. Agora, estava triste, mas ao menos, não enjoado.


HP:  220/225 
MP: 375/375

MoveSpeed: 0 M/S

EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qua Set 12, 2018 2:02 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
Os outros ali também não estavam com muita fé nos planos de Heiko. Ainda era algo curioso o fato da bruxa nos ajudar '"de bom grado". E obviamente ele não teve uma boa reação ao ter suas convicções refutadas, o atual presidente do conselho mágico não ficaria feliz em ter sua estratégia abalada por um bando de magos fracos e insolentes. Foi quando que ele explicou, e então as coisas fizeram mais sentido. Nosso verdadeiro inimigo é o mesmo dela, ou seja, um alvo em comum. Apenas consenti esse jogo de interesses como algo extremamente natural a todas as raças.

Na medida em que Heiko terminava sua fala, uma voz feminina invadiu o espaço, levando-me a olhar em sua direção: nesse momento apenas vi parte de uma silhueta sinuosa, podendo conceber uma imagem feminina, mas seu rosto estava sob a sombra da embarcação. Aquela esfera de cristal que foi a responsável por nos guiar, voou em direção a mulher, até repousar sobre a palma de sua mão. Ela falava sobre o tempo, passado e futuro, e conversava com Heiko demonstrando certa intimidade, mostrando que os dois já se conheciam e ela sabia muito mais do que nós do porquê estávamos ali.

O presidente do conselho ficou de joelhos perante a mulher, que então revelou seu nome e sua face: Urutea, uma bela mulher de cabelos escuros e olhos vermelhos. Aquele pequeno garoto de cabelos brancos continuava falando mais algumas coisas, logo se virando para o gelo de forma envergonhada. Apenas olhei para Candy, a qual agora não estava mais com pele rosa nem mesmo uma calda, sua aparência era como a de uma humana comum.

— Gostei. — Sorri de forma maliciosa para a demônio. — Então, Srta. Ultear e Heiko, qual o nosso próximo passo? — Perguntei de forma educada para ela, e nem tanto para ele. Eu não ligava muito para as questões pessoais dos dois, só me interesso em cumprir minha promessa com Lucy e resgada o homem de minha visão.


HP: 495 | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Ações com base na tentativa.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qua Set 12, 2018 10:07 pm




Lembranças foram apagadas...
Era de fato comovente a intenção de todos, apesar de meus atos serem descritos como infantis, não poderia negar a minha enorme vontade de me lamber, já que meus pelos insistiam-se em ficar bagunçados. Em meios a tantas coisas acontecendo, apenas fiquei entretido com a minha língua entre os dedos de minha pata, enquanto meus olhos observavam as pessoas que ali estavam. Tudo o que eu podia ouvir eram frases e mais frases, enquanto a parte engraçada estava por vir. - Nhaa, u-t-e-a-r-r-a? Disse eu em uma breve questão de tempo, percebendo o meu erro de fala, retornei a falar o seu nome certo. - Srta. Ultear! Quase que minhas cordas vocais saíram nesse momento, fui olhado de uma forma rude e até mesmo levei um pequeno golpe de Eda para que ficasse quieto, a partir desse momento, fiquei calado. - O que faremos agora, nha Meu rosto foi levemente torcido para o lado e eu pude realmente sentir uma certa dor nesse movimento, mas me deixou com uma carinha muito mais fofa.

Técnicas:

Nenhuma
Status
HP: 300/305/MP: 180/280. Euzinho, alone, nha.   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Set 14, 2018 10:21 pm


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
 Candy não estava conseguindo lidar com a irritabilidade que se formava em seu interior naquele exato momento. Era quase frustrante saber que alguém precisava de sua ajuda sem nem ao menos se lembrar quem é a pessoa, mas sua curiosidade em descobrir sobre o homem que vira no globo era maior do que a irritação.

Seus passos foram lentos a medida que o grupo saia da embarcação, as duvidas levantadas vez ou outra pareciam ser as mesmas que a dragon slayer tinha, mas por algum motivo sequer se dava ao trabalho de fazer. Por algum motivo manteve-se em silêncio até que a figura que procuravam apareceu. Sua voz era neutra, não era possivel notar qualquer sentimento na mesma, mas a demônio não ligou, queria apenas voltar para sua guilda e talvez infernizar algum novato —  Vocês dois nos tem.... agora tragam logo essas... pessoas de onde quer que estejam... Não aguento mais essa lenga lenga.

205/210
300/ 390

Explicação:
Peço perdão aos jogadores pela demora, mas estou com dificuldades familiares, prometo ser mais presente agora.
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Set 21, 2018 9:59 am

Lembranças que podem se tornar vivas


Ela olhava cada um deles de cima a baixo entanto esticava a mão para que a orbe flutuasse diante dela.

- No passado eu fiz uma magia parecida com essa porem eu paguei pelo preço e custou muito para que eu conseguisse voltar a ser como sou. desta vez nao sera eu quem irá sofrer.  O motivo por você estarem aqui é por terem lembranças destas pessoas então comummente sera algo mais barato pelo paradoxo temporal.

Um feixe de luz saia da esfera e envolvia o corpo de todos que estavam ali uma forte dor acometia o corpo de todos juntamente com fraqueza em cansaço 

Cada um de vocês pagara com a perspectiva de vida de vocês. Pela soma de pessoas aqui, todos perderão aproximadamente 3 ano de sua perspectiva vida para voltarmos estes meses. Ao final do processo vocês não envelhecerão mas coisas como unhas, cabelos,crescerão como se estivessem envelhecidos 3 anos. Ao final do processo muito mal vocês verão os corpos de seus amigos que já estão se materializando ao lado de vocês. sera uma dor imensa que sentirão mas acreditem estou dando uma ajuda extra a todos vocês a pedido de Heiko.... Afinal ele Ira pagar muito bem.

Todos os que estavam ali sentiam gradativamente como se a sua vida fosse arrancada com uma lamina e após o termino aqueles que haviam desaparecido retornam ao lado de seus respectivos conhecidos assim também como todas as lembranças.

____________________________________________
obs: Voces estão tao fracos que muito mal conseguirão falar durante um minuto e logo cairão também desacordadosao lado dos que foram trazidos de volta.
Os mesmos que também foram trazidos por mais que estejam vivos estão desacordados.



(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Set 21, 2018 10:53 am


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


Tornando as palavras de Uretea como referência, Elis se manteve quieto. A menção de perder anos de sua vida não o amedrontava, pois ele já tinha experiência em perder tempo de vida suficiente. Sendo assim, qual o problema de perder um pouco mais ? Ao menos agora teria uma boa referência em que estava perdendo.

A esfera se aproximou lançando um feixe de luz que destoou uma dor ferrenha em seu corpo. A dor era tanta que ele até mesmo supôs que os fios de seu cabelos estava doendo, havia dor em seu couro cabeludo, seu rosto e até mesmo os olhos estava vibrando de um modo estranho. Parecia que havia uma pressão gigantesca do fundo do mar na qual ele jamais fora acostumado a suportar, havia uma tremenda fonte de coisas que ele jamais sentiu em sua vida, mas esta se encontrava no topo de tudo - Aquilo trespassava a dor física, visivelmente estava atingindo sua alma.

Havia uma dicotomia ferrenha em seus sentidos, havia dor, cansaço e uma irregularidade em seu corpo que beirava o caos; Ele não conseguiu permanecer em pé, muito menos gemer de dor. Simplesmente o peso de ter sua vida retirada na íntegra o estava demonstrando que os anos dentro daquele espelhos era um passeio feliz na montanha dos unicornio, enfim. Ele já não conseguia pensar, muito menos entender o que estava acontecendo, havia dor em cada respiração, havia desejo de parar de respirar, mas em contrapartida havia algo a mais invadido sua perspectiva de dor e protêrvia. Havia lembranças, quase como uma forma de entender. Havia um homem no qual ele devotou uma parte de sua história, este homem não era o mais poderoso, muito menos amado pelas pessoas. Mas ele tinha coragem de seguir em frente mesmo com a idade já avançada, não havia medo, havia experiência e isso ressorou com Elis, trazendo o garoto a compreender que “aquele” homem valia a pena ser seguido.

Havia histórias, incompletas e apagadas, história que poderia se tornar um “ e Se” mas apesar de tudo, das falhas, das perspectivas - Até mesmo a fé nas pessoas, aquele homem continuou a trilhar o mesmo mundo que ele... Aquele Pai que o adotou estava lá. Mesmo depois dos meses ele se manteve, mesmo depois das promessas e planos sendo frustrados aquele pai ainda buscava por um mundo melhor através do conselho mágico e Elis finalmente se lembrou a quem ele devia sua lealdade. Quando finalmente se deu conta a escuridão tomou conta de tudo.


HP: 220/225
MP: 375/375

MoveSpeed: 0 M/S


EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sab Set 22, 2018 9:16 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
Era realmente algo que estava me incomodando, aquele clima cheio de mistérios por parte de Heiko e Ultear. Ambos parecem esconder tantas coisas de nós, sinto-me usada por algo que está além de meu alcance. Não gosto desse sentimento. Porém é perceptível o que está acontecendo aqui, ainda mais depois das últimas palavras da dona do orbe de cristal. À vista disso, seríamos nós apenas cobaias dos grandes feitos de magos poderosos?

Após as palavras de Ultear, seu objeto cristalino incandesceu-se por um brilho intenso, o qual se esvaiu da esfera e de súbito adornou nossos corpos. Ficaria claramente espantada, mas sem saber como reagir. Só o que vem à minha mente são indagações sobre o que estaria de fato acontecendo. A que se sucederia essa brilho? Mais algumas palavras foram proferidas por Ultear.

Meus olhos se arregalaram, mas pouco a pouco foram fechando novamente. O brilho de meu olhar parecia estar sendo roubado. Minhas forças estavam se esvaindo, saindo de mim. Um peso pairava sobre meu corpo, o suficiente para me fazer ajoelhar e arfar procurando fôlego para continuar viva. Vagamente não tinhas mais forças para permanecer nem mesmo de joelhos, meus braços não eram mais suficientes para me apoiar. Minha visão ficava cada vez mais turva, e então vi aquele homem belo de cabelos prateados, o que estava em minhas memórias.

Niki, pai de Lucy, e o grande amor de minha vida. Era ele, o homem que me conquistou guiando-me a uma dança com uma ternura que eu nunca vi ou senti. O qual acolheu meus ideias e prontificou-se a estar ao meu lado, apesar de tudo o que poderia nos perseguir ou ressoar a nossa volta. Nossos momentos, nossas lembranças, tudo voltava a se encaixar em minha mente. Minha vontade era de gritar seu nome, tocar em seu rosto, e sentir seus lábios mais uma vez. Mas eu não tinha mais forças, estava já usando o que me restava para permanecer meus olhos abertos e poder admirá-lo por mais alguns instantes, até tudo escurecer.



HP: 495 | MP: 500 | VEL: 0 m/s

Considerações:
• Ações com base na tentativa.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Dom Set 23, 2018 2:05 pm




Lembranças foram apagadas...
De fato ouvia a moça, suas palavras me faziam pensar em algo poderoso, mas não seria o bastante para me surpreender, quero dizer, não até esse momento.  Uma luz impregnou os meus olhos, meu corpo não estava bem, cansado, minha língua saltava para fora da boca em uma sede que eu nunca havia sentido. Era como se meu corpo estivesse em colapso. somente torcia para que aquilo tudo parasse.

Minha tensão não for transformada em ação efetiva, minhas pernas se abalaram de uma forma que eu fui ao chão poucos segundos depois de ver aquele feixe de luz, eu até pensei que fosse mais resistente, mas a dor que sentia em minha cabeça e flashes de memórias dilacerando a minha mente me fizeram repensar no quanto eu sou fraco. 

A escuridão que antes havia em minhas memórias, se tornou um branco com cores vibrantes, como se o meu ser voltasse a viver. Meus olhos se pesaram, mas antes algo veio a minha mente; uma reunião, somente pessoas que eu amo estavam lá, Domi e o Vovó, sim, eu chamo ele assim, me orgulha tanto poder lembrar disso, de seu rosto, óculos e o seu jeito adulto de ser, mas antes que eu pudesse me recordar de algo a  mais, meu mundo escureceu.


Técnicas:

Nenhuma
Status
HP: 300/305/MP: 180/280. Euzinho, alone, nha.   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qui Set 27, 2018 1:01 pm


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
 O solo daquele local parecia tão incerto quanto a curiosidade que havia levado Candy a ir junto com aqueles estranhos para encontrar alguém que sequer se lembrava. Sua respiração era forte, e mesmo que de forma sutil , estava um tanto descompassada; era o sinal de sua irritação que se iniciava novamente.

Ultear proferia algumas palavras explicando por alto o que seria feito naquele momento e logo o coração de Candy começou a acelerar, estava começando a sentir uma estranha excitação com aquele momento, mas logo suas forças começavam a ser roubadas pelo brilho produzido pela bruxa de cabelos negros. Candy não gostava daquela sensação; sua cabeça começava a doer de uma forma que não conseguia entender, suas memórias outrora confusas e com grandes buracos aos poucos começavam a voltar.

Seu corpo dois, sua garganta ficava seca, seus olhos marejados piscavam constantemente tentando entender o porquê aquela luz trazia tanta dor a um demônio que já era acostumado com aquela sensação. As memórias laceravam sua mente, os longos cabelos negros daquele homem, seu jeito autoritário de lidar com a dragon Slayer e com a demônio gato que havia naquela guilda…. Sua irmã…. Candy sentia as lágrimas inundarem os olhos, os joelhos foram logo em direção ao chão junto com as poucas forças da demônio rosado “Mestre…” pensou ao lembrar definitivamente daquele homem, mas antes que pudesse perceber, o corpo pesou indo ao chão deixando apenas sua respiração pesada se fazer presente.



205/210
300/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissoes deste sub-fórum
Você não pode responder aos tópicos neste fórum