Fairy Tail Eternum
Fórum role-play de Fairy Tail.
15/07 O tópico de regras foi atualizado com algumas informações referentes ao nickname de suas contas. Pedimos para que leia e caso esteja irregular, solicite a modificação para um administrador.

08/07 Lembramos a alguns usuários que os avatares precisam estar obrigatoriamente no tamanho 250x400, pedimos para que atualizem-os, afim de deixar o código ajustado de forma correta.

08/07Após algumas semanas de diversas mudanças, acreditamos que desta vez, o layout do fórum estará em sua forma definitiva. O problema dos links de acesso rápido foram consertados.
Últimos assuntos
» Registro de magias
Qua Nov 14, 2018 1:00 am por Crimson

» Ficha - Adam Schneider [Em Construção]
Ter Nov 13, 2018 1:40 pm por Schneider

» [Parceria] The Leaky Cauldron
Dom Nov 04, 2018 11:37 pm por Rebeca Pieterse

» [Parceria] - Fighters RPG!
Dom Out 21, 2018 1:26 am por Fightersrpg

» [PARCERIA] Blood Survivors RPG
Seg Out 08, 2018 2:12 pm por BS RPG

» Chegando com o pé na porta.
Sab Out 06, 2018 1:00 am por Death

» [Procurados] Carnificina Rage
Qui Out 04, 2018 7:27 am por Death

» [RP atemporal] - Um mundo cinza
Seg Out 01, 2018 3:10 pm por Nie Li

» Registro / Solicitação de narrações
Seg Out 01, 2018 9:01 am por Nie Li

» [Treinos] - Nie Li
Seg Out 01, 2018 8:59 am por Nie Li

» [ - TREINO - ] Testando limites
Sex Set 28, 2018 6:47 pm por Cameron Dupont


[Trama] Lembranças que podem se tornar vivas

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

Postado em Qui Ago 09, 2018 12:52 pm

Lembranças que podem se tornar vivas


Estranhamente, uma carta com um selo parecido com o selo imperial havia chego até vocês algumas no bolso das roupas, outras abaixo do travesseiro. Não importa o como você leu o conteúdo da carta e nela estava escrito:

Se você quer saber quem é a pessoa dos seus sonhos ou lembranças, me encontre no porto do norte de Fiore no porto das despedidas e reencontros.
Esta pessoa esta passando por um grande problema e precisa da sua ajuda para poder viver. Sem você ela não terá a mínima chance de voltar. Não estranhe por não lembrar dela pois isso tudo é resultado de uma magia profana.
Att: O informante


Bom para quem aceitou o que a carta dizia, rumou para este lugar e próximo a um navio de madeira pequeno aguardava um homem com capas negras segurando um envelope parecido com o que vocês receberam.


OBS: A ordem será a de chegada, quem chegar primeiro posta primeiro, depois do Narrador não esperem ngm para postar. Boa sorte.


Jogadores da trama
Blair
Candy
Cheshire
Eda
Pharos


____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 14, 2018 4:36 pm


Everything I do .... I do it for him
Memories that become alive
 Algo incomodava Candy de uma forma que nem mesmo ela conseguia explicar o porque. Suma memória parecia embaralhada por algo, e aquilo vinha se repetindo a muitas noites, alguns meses sendo mais exato se colocar no calendário. A dragon Slayer tinha uma pequena rotina, rotina que foi quebrada naquele dia; Em meio aos socos que dava no grande saco de areia, sua respiração ofegante era algo fora do ritmo daquele treinamento – Porque.... Eu...Não...Consigo...Lembrar...quem....estava...lá! – a enfase dada junto com o soco acabou rasgando o saco e espalhando areia por todo o local de treinamento.  A cauda de Candy estava inquieta, assim como ela mesma, aquela frustração era quase tão palpável quanto a raiva desferida no golpe.  Os passos eram pesados, Candy ia em direção a pequena toalha que havia separado para usar naquele dia e acabou se surpreendendo por haver algo ali em cima que não se lembrava de ter visto.

Com os dedos destros segurou com delicadeza o envelope branco com o selo do que seria o império de Fiore – Quando .... ah que seja... – com o indicador esquerdo violou delicadamente o selo da carta pegando o conteúdo da mesma " Se você quer saber quem é a pessoa dos seus sonhos ou lembranças, me encontre no porto do norte de Fiore no porto das despedidas e reencontros. Esta pessoa esta passando por um grande problema e precisa da sua ajuda para poder viver. Sem você ela não terá a mínima chance de voltar. Não estranhe por não lembrar dela pois isso tudo é resultado de uma magia profana. Att: O informante" duvida correu pelos olhos de Candy e a mesma acabou rindo baixo sobre aquilo.

Naquela noite , Candy começou a organizar algumas poucas coisas e saiu para o local indicado. parando na primeira cidade, buscou um meio de transporte mais rápido para que pudesse viajar mais rápido para o local indicado pela carta – Respostas.... preciso delas... – Mesmo no trem, não buscou esconder sua forma verdadeira, não se importava em esconder, mesmo que as pessoas lhe xingassem ou chamassem a mesma de nomes fortes, não tinha na verdade forças pelo enjoo que o trem lhe causava. Demoraram horas para que conseguisse chegar ao local indicado, e ao sair sentiu o enjoo ainda mais forte, mas aos poucos foi passando – Agora...cadê... Achei... Você... – falou andando de forma calma em direção ao homem – Eu não sei quem é você, mas quero saber sobre essa pessoa que você cita na carta.

210/210
390/ 390

OBS : estou esperando atualização total da ficha, caso precise do link de comprovação, posso anexar no proximo post

Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 14, 2018 8:35 pm

In my mind

Feelig: Calm • Notes: Confident • Clothes: this
Alguns dias se passaram desde que havia deixado aquela pequena garota. O abraço que eu havia dado a ela foi de um sentimento extremamente familiar, como se eu já tivesse sentido aquele perfume com muito mais intensidade. O choque que havia levado pelo contraste de seus cabelos prateados aos meus olhos ainda ecoava em minha mente. Aquele sentimento indecifrável de perda, o ritmo com o qual meu coração bate já não é mais o mesmo desde que inexplicavelmente Lucy apareceu. Ela simplesmente surgiu em minha vida, e minha cabeça dói só de tentar lembrar em como a conheci, de onde veio, e quem são seus pais. Nem a própria soube se explicar.

Mas ao olhar para seus olhos cor de sangue, eu fiz uma promessa, um pacto, que eu iria resolver isso. Se ambas apareceram uma na vida da outra de forma súbita, com essa incoerência do destino, e a falta de memória como um verdadeiro elo, eu então decidi assumir responsabilidade. Eu nunca senti algo parecido por alguém, sem falar que é como se um pedaço de mim estivesse faltando. Não havia experimentado algo mais frustante do que não conseguir recordar do que o que te causa tanta dor. Estava abraçada pelas águas quentes de um banho calmante, após dias de missões e sessões de treinos, num ritmo como nunca antes. Suspirava olhando para o vapor indo em direção a janela do banheiro, enquanto aos poucos meu corpo se amolecia mergulhando sob aquela ternura.

Aos poucos deixei aquela banheira, a água escorria em corpo contornando minhas curvas, como um véu acariciando-me de maneira convidativa a ficar mais um pouco ali. Mas estava decidida a voltar para minha rotina, já estava bom de descanso. Com a tolha enrolada em meu corpo, fui à minha cama pegar as roupas que já havia separado para vestir. Calmamente, comecei a me despir, meus cabelos molhados ainda grudavam em minha pele molhando-a novamente, e num singelo movimento passei a tolha por eles enrolando-os para secar. Nada muito fora do comum até o momento.

Até que, enquanto pegava minhas roupas, não pude deixar de notar algo de suspeito na cama. Havia um envelope ali sobre meu travesseiro. No mesmo momento, intrigada, aproximei-me e peguei-o. Em mãos, pude constatar que era uma carta, a qual estava selada com um símbolo que assemelhava-se a artigos imperiais. Não tinha destinatário ou remetente. No mesmo momento, olhei para os lados, indo em direção a janela e observando a movimentação: nada além das areias do deserto formando suas dunas fora de Grimoire Heart. A porta estava trancada, mas forcei a maçaneta para conferir a tranca. Não havia entendido como esse envelope teria parado ali, mas ao julgar pela situação, parecia ser para mim, ou se a pessoa cometeu um engano o problema seria dela.

Arranquei o selo e retirei a carta, lendo-a mentalmente: Se você quer saber quem é a pessoa dos seus sonhos ou lembranças, me encontre no porto do norte de Fiore no porto das despedidas e reencontros. Esta pessoa esta passando por um grande problema e precisa da sua ajuda para poder viver. Sem você ela não terá a mínima chance de voltar. Não estranhe por não lembrar dela pois isso tudo é resultado de uma magia profana.
Att: O informante


Arregalei os olhos para a mesma, mal poderia acreditar no que estava escrito ali. Isso com certeza teria a ver com Lucy e com tudo o que havia se passado em minha mente desde então. Não poderia de forma alguma perder tal oportunidade de encarar a promessa que fiz, e além disso, por meu coração em paz. Sem delongas, peguei a roupa que já estava para vestir, e a coloquei. Esfreguei fortemente a toalha em meus cabelos e peguei meus equipamentos, colocando-os no lugar de sempre: anexados a lateral de meu cinto, o qual usava com um decaimento em diagonal para a esquerda, ponto onde ficariam presos.

— Sinto que vou precisar de você mais do que nunca. — Falei segurando a chave dourada, a qual reluzia em meio a um toque de meus lábios, um beijo singelo para os que estavam comido desde o início. Em seguida guardando-a junto aos meus equipamentos.

Decidida e com inspiração promissora, sai da guilda, dirigindo-me a saída do deserto, em direção a estação de trem mais próxima.

[...]

Vim ao endereço informado na carta, a qual levou-me a uma espécie de porto. Não via ninguém ali, além de alguns barcos e a sensação de um ar melancólico. Prossegui andando para encontrar o barco descrito, e com ele acharia um homem misterioso de capuz, o qual estaria me esperando ao entender da mensagem. Não demorou muito para que no decorrer eu pudesse me deparar com duas figuras intrigantes: uma garota de pele rosa e cabelos espetados de cor clara, e um homem de capuz. Seria ele então? Mas e essa garota? Quem seria? Nitidamente não se tratava de uma humana, visto sua cauda e coloração. Talvez fosse um demônio, fato que não me amedrontaria, visto que convivi com esses seres, e vi muito piores, inclusive, humanos podem ser bem piores que qualquer outra espécie, e não digo isso por mim.

Ela parecia discutir com o homem, não pude entender pois ainda estava longe. Apenas me aproximaria perto o bastante e diria:

— Desculpe interromper o flerte dos dois... mas é você o homem da carta? — Indaguei, com certa ironia como de costume, e enfatizando o envelope em direção ao homem. O qual, com meu olhar, tentaria procurar seus olhos em meio a sombra que se formava pelo seu capuz.



HP: 500 | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Sem considerações.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 14, 2018 9:25 pm




Lembranças foram apagadas...
  Você já acordou em um dia que a sua mente lhe pregava peças que te faz ficar a manhã toda pensando em algo que talvez nem exista? Pois é, eu fiquei assim hoje, me sentia mal a todo momento, como se algo fosse retirado de mim, mas não conseguia encaixar a minha mente em uma posição que pudesse me lembrar do motivo. Eu voava em direção ao nada, enquanto deixava o tempo me guiar, mas não suportava ficar tão só, queria encontrar o dono da voz, ao menos uma vez; para te dizer que, apesar de não lembrar quem, tenho medo de perder totalmente essa sensação de que algo está faltando. Sofrendo por alguém, ah, se eu pudesse te falar que tudo mudaria… -- Você não deve fazer xixi aqui, Pharos. Ele (Domi) não te ensinou um lugar adequado para isso? Venha. Um toque de mão, uma frase, uma única frase tão boba, mas que faz as minhas patas se baterem uma contra a outra, difícil acreditar que o destino está contra mim. Toda vez quando tento me lembrar a um apagão na minha mente. Eu ouço você chamar, mas eu não sei responder, porque não chegas mais perto? Tenha certeza que sempre estarei com você, apesar de não lembrar. Mas quem sabe nos meus sonhos não possa te encontrar. Pois nunca vão me derrubar e eu irei vencer, não duvide do amor que existe dentro de mim!  

Eu continuava a voar, complicado esperar por algo, procurar por você, uma coisa diferente que me fez aceitar a vida do jeito que ela é. Mas não posso mais viver assim, realmente, não posso. - Só queria te falar tanta coisa, mas… Não sei quem é você, de quem pertence essa voz. E quando retornei para o solo acabei tropeçando em um humano que insistiu em me entregar algo, não havia necessidade da pressa e ele desapareceu no meio da pequenas pessoas que ali estavam. ‘Se você quer saber quem é a pessoa dos seus sonhos ou lembranças, me encontre no porto do norte de Fiore no porto das despedidas e reencontros. Esta pessoa está passando por um grande problema e precisa da sua ajuda para poder viver. Sem você ela não terá a mínima chance de voltar. Não estranhe por não lembrar dela pois isso tudo é resultado de uma magia profana.’ Um tal de informante assinou no final.

Não era o Domi, ele estava bem, apenas acredito que seja uma enganação, mas a coragem vai me fazer ir e eu estou preparado para sacrificar uma de minhas patas para o bem da minha memória! Meus pelos se arrepiaram e voei novamente em direção a localização do homem, a paisagem era tão estranha quando as vestes dele. - Ei, moço. Disse eu, puxando a ponta da sua túnica. Meus olhos caíram e uma expressão triste se formou no meu rosto. - Quem é esse do qual falas, minha mente não me viabiliza a recordar, me conte algo Deu alguns passos para trás e pude notar duas outras pessoas ali, totalmente desconhecidas, minhas orelhas se abaixaram ainda mais e olhei novamente para o homem encapuzado, pequenas lagrimas escorreram, não pude evitar, me sentia realmente muito triste.


Status
HP: 305/305/MP: 210/280. Euzinho, alone, nha.   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 14, 2018 10:49 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


A madrugada. De fato não era uma hora no qual uma criança deveria estar andando, mas havia algo tão dicotômico em sua cabeça que estava difícil ter uma boa noite de sono. Até aquele momento, ele já tinha entrado no bares de Era em busca dele, havia feito perguntas, mas mesmo assim não o conheciam - Complicado tentar explicar como aquilo lhe afetava, havia de buscar alguém nesses lugares; bordel, bares tais lugares que ele nunca tinha interesse, deixavam uma marca em cinzas em sua alma, busque por ele era o que sentia. Elis era incapaz de entender com exatidão o problema. Alguns dias ele se afastou das cidades, das pessoas, de Pharos. Seguiu sozinho pelas floresta acampando, caçando e buscando respostas onde não havia nada. Cada noite ele estava cada vez mais estressado e incomodado com aquilo, sempre fora assim? Havia alguém que ele havia devotado seu tudo? As lembranças tão imperceptíveis eram difíceis de acessar, havia algo indistinto no qual ele havia agarrado e transformado em seu tudo. Havia pessoas que ele gostava, sim. Mas havia uma em especial que fizera parte de seu crescimento de tal modo, que provavelmente ele ja não podia ficar perto dos demais.

Esse mesmo pilar fora sua base de crescimento, havia ganhado poder por ele - não havia se recuperado de sua doença mas com todas as palavras havia se superado por ele, mas ainda não era o bastante. Então quando menos esperava um envelope brilhou de modo macabro cortando a escuridão da floresta, este que seguiu com seu brilho em direção do garoto dançando pela brisa do local. Elis olhou logo atrás e pela sua visão dinâmica não encontrou nada que pudesse controlar aquele fenômeno, sendo assim estendeu a mão a tomando de bom grado.

Ele leu a mensagem de modo que aquilo fosse como uma grande notícia, havia alguém para explicar - um informante. Elis seguiu para aquele porto no dia seguinte.

Ao chegar ele se surpreende em encontrar um pequenino e conhecido Exceeds, correu e o agarrou fazendo um verdadeiro estardalhaço em relação a ele, não, ele apenas denotou um breve sorriso amistoso para todos inclusive ao homem que estava alí, mas tinha suas prioridades. O pequeno animal fora um dos únicos no qual Elis soubera apresentar seu pior lado, mas ele ainda continuava a segui-lo e isto era o bastante para crer que aquele era o local no qual deveria estar.



EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qua Ago 15, 2018 10:13 pm

Lembranças que podem se tornar vivas


Cada um deles chegava um a um, porem, embora o homem de vestes negras esfarrapadas soubesse que eles eram os citados em seu sonho ele nao sabia quem ou quais ali tinham uma forte ligação com cada um dos desaparecidos.

-Bom... espero que estejam preparados para enfrentar quaisquer advercidades pois iremos rumar para as terras gelidas do norte em busca de uma maga muito poderosa. 

O homem respirava fundo e retirava seu capuz se revelando Heiko,  o 1º Comandante dos Cavalheiros do Conselho Mágico.

-Alguns tem me chamado de louco por ser o único que lembra do que aconteceu naquele dia... Sou Heiko Dragneel Bisneto daquele que muitos conhecem como Natsu Dragneel, o Salamander. Embora eu saiba da existência de um novo salamander, que de acordo com os registros, parace tão quanto afobado quanto meu antepassado se não mais que ele. Em contra partida acho que o que me fez sobreviver ao ataque foi o Cachecol que tenho de herança e o fato de lembrar de tudo é que também sou descendente de Zeref afinal Natsu e Zeref eram irmãos e por isso possivelmente devo ter ficado preso em um lapso paradoxal.
Colocando a mão dentro de suas vestes, Heiko retirou Uma orbe cristalizada e esticou a mão para frente para que os mesmos pudessem toca-la

-Peço que todos vocês encostem a mão direita nesta orbe e assim conseguirão ver em suas mentes a melhor lembrança que voces tiveram com a pessoa porem vocês não passarão de meros espectadores.
Heiko olhava para todos ali aguardando que tocassem a esfera.




OBS:
As lembranças de vocês serão como se estivessem assistindo o que acontecera porem  nao estarão vivenciando aquilo logo seus sentimentos serão como os de uma pessoa vendo o que vocês estariam fazendo. Após o termino da visão a esfera irá se estilhaçãr Cortando a mão direita de todos dando 5 pontos de dano.


____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qui Ago 16, 2018 6:27 pm


Everything I do .... I do it for him
Memories that become alive
 Candy aguardava por qualquer indicação daquele ser encapuzado; aos poucos um suave perfume invadiu suas narinas e a dona deste odor logo chamara pela atenção da demônio que ainda sentia-se enjoada pela viagem de trem –  Para a sua informação – começou de forma rude de forma a tentar intimidar a garota –  Eu não flerto com futuras presas. Então cuidado. – os lábios curvados em um sorriso malicioso demonstravam o tom de chacota que a mesma usava em sua frase para com a maga ruiva.  Antes que pudesse rebater qualquer coisa, outros começavam a chegar um gato alado de pelos negros e um menino de cabelos brancos. "Simples humanos.... que desperdício de tempo" pensou já iniciando outro pensamento, desta vez de largar o grupo e voltar para sua guilda, masa promessa de saber quem parecia "faltar" em suas memórias era algo ainda tentador que prendia sua atenção.

Os segundos em silêncio pareciam eternos, mas logo o encapuzado parecia se mover e iniciar algumas explicações. Sua voz não havia qualquer sinal de preocupação ou qualquer coisa que fosse parecida, por esse motivo Candy acabou soltando um suspiro de frustração. Ele havia apresentado-se como Heiko, mas a afiliação do mesmo fez com que um estranho arrepio corresse pela espinha da Dragon Slayer de forma quase suspeita, mas ninguém além dela parecia ter tido tal sensação. O nome Natsu Dragneel fez a demônio pensar um pouco, pois nunca havia pensado ou estudado sobre os magos do passado –  Esse Natsu que você fala... – perguntou de forma intimidadora –  Era forte? Qual era a magia dele ? – Candy realmente não conhecia sobre fatos históricos importantes, mas antes que obtivesse sua resposta, ouviu o mago continuar a falar e novamente um nome que desconhecia ou sequer havia pensado direito para lembrar


O movimento seguinte por parte do mago fez o demônio recuar alguns passos. Não esperava por um combate naquele momento, mas ao notar a orbe, relaxou muito pouco diante o cavaleiro; Mas sabendo que ainda havia um objetivo, decidiu por hora seguir as indicações do mesmo e com delicadeza, coisa que não tinha alguma, colocou a mão direita sobre a orbe e notou a mesma iniciar a demonstração de imagens que nunca havia visto em toda a sua vida.

" Era uma tarde nublada, hargeon town era sua localidade atual e acabara de ser chutada de dentro da Blue Pegasus por demonstrar sua face demoníaca para aqueles que aprovariam sua afiliação a guilda. Sua frustração era tão enorme que nem mesmo o enorme copo de sorvete parecia aplacar sua fúria. Um homem de cabelos negros acompanhado por Cheshire andavam pela cidade e pareciam ir ao encontro da ruiva que lhes observava de forma discreta - o que diabos eles querem...- murmurou com a pequena colher de sorvete ante os lábios. Havia um estranho sorriso nos lábios do mesmo e aquilo parecia ter chamado a atenção da garota;  Algo parecia lhe dizer para ir até aquele homem, mas quanto mais observava o mesmo, mais atraída se sentia. Sabia de alguma forma que aquele homem não era um humano normal….

Horas mais tarde haviam os três saído do centro comercial de Hargeon, Candy sorria e por um pequeno descuido havia recebido um beijo no rosto com uma promessa que não conseguirá ouvir direito a primeira vez, mas haviam marcado de se encontrar no dia seguinte...

A visão de Candy estava perplexa, não se recordava em nada daquele dia, e por algum motivo aquilo lhe incomodou e muito – Que merda foi essa? –  pronunciou alto logo sentindo a explosão da orbe cortando levemente sua mão –  EU QUERO EXPLICAÇÕES AGORA! – falou de forma a tentar intimidar novamente, mas dessa vez todos ouviriam pelo tom de voz. Aos poucos as pernas de Candy se tornaram metal puro com pequenos detalhes de escamas – Eu não quero enrrolação. Sou a Iron Dragon Slayer do metal... – Aos poucos o metal subiu deixando apenas o rosto de Candy em sua coloração normal –  Não vou me importar de socar alguém para obter minhas respostas.

Técnica Usada:


Nome: Escamas do Dragão de Ferro (鉄龍の鱗 Tetsuryū no Uroko)
Rank: D
Base: Transformação
MP Gasto: 20 ( + 10 por turno ativo )
Duração: indeinida
Alcance: alvo ( candy )
Descrição: Candy cobre parte do seu corpo (ou ele inteiro) em escamas de ferro, aumentando drasticamente suas habilidades ofensivas e defensivas. Quando soca ou chuta com essas escamas, ela é capaz de criar rajadas fortes de vento através da mera força cinética;  Essas escamas são fortes o suficiente para quebrar ossos e são resistentes contra chamas regulares, e muito mais fortes que o ferro normal. Bonificação gerada pela transformação é acrescido em 5 pontos para Dano físico e resistência física. Sua velocidade decai em - 2 m/s devido ao peso do metal.



205/210
370/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 17, 2018 2:10 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
A garota cor de rosa respondeu-me de forma rude, como uma incitação para me provocar. Embora que, mediante as suas palavras, eu não teria como concordar, visto que para mim se trata exatamente do oposto de sua concepção acerca de um flerte. Pois o que mais faço e sempre fiz foi iludir minhas presas com encantos carnais e palavras maliciosas. Seu sorriso e voz em tom de deboche em nada me intimidaria, tendo em mente que é da minha rotina esse semblante de provocação.

— Ah, jura? Não sabe o que está perdendo. — Seguindo uma breve risada. — Não há nada melhor do que ter eles na palma da sua mão... literalmente. — Uma piscadela de leve sinalizaria o que poderia ser o começo de uma amizade, ou uma inimizade, como ela preferir.

O homem não respondeu diretamente. Mas logo após a conversa com a garota, um pequeno gatinho chegou ao local. Ele era fofo e parecia bem emocionado chegando perto do encapuzado. Não muito depois, um garoto apareceu, correndo em direção a aquele pequeno animal. Era notável que os dois já se conheciam e tinham alguma relação de amizade um com o outro. Pelo jeito eu não fui a única a receber a carta, pois junto a mim esses outros parecem ter interesse no que esse homem tem a falar.

Logo, o misterioso proferiu algumas palavras, explicando um pouco e confirmando minha hipótese de que todos estariam aqui pelas cartas. Segundo suas palavras, iríamos partir daqui em busca de uma maga poderosa. Provavelmente a causadora desses distúrbios, segundo minha própria convicção. Ele tirou o capuz, revelando sua face, era jovem e bonito, o que fez-me despertar um leve interesse. Sua pele alva e cabelos ruivos, fios arrepiados e desfiados. Em seguida, explicou um pouco mais sobre o que estava acontecendo. Seu nome é Heiko Dragneel Bisneto, descendente de um tal de Salamander.

Depois de suas explicações, Heiko retirou de dentro de suas vestes um espécie de orbe, esse feito de cristal e de coloração esverdeada. O homem estendeu sua mão em nossa direção, com o objeto sobre sua palma. Em seguida nos dizendo para tocar no artefato, e então poderímos ver uma lembrança do melhor momento que tivemos com a pessoa em questão. Percebi a demônio rosa recuando alguns passos após o ato de Heiko. Eu apenas respirei fundo, ele parecia mesmo ter as respostas que procuramos. Então lembrei da promessa que fiz a Lucy, à vista disso não poderia recusar a oportunidade. Com a mão direita levemente trêmula, encostei cautelosamente no orbe.

Uma noite normal até o momento. Eu estava sozinha sentada numa mesa do bar da Grimoire Heart. Muitos estavam ali festejando, bebendo e se divertindo. Enquanto eu estava apenas bebendo uma taça de vinho notando a cena deprimente em que me encontrava. De forma inesperada, um belo homem apareceu oferecendo-me uma bebida. Fiquei surpresa ao olhar em seus olhos, azuis ciano. Sua pele alva, cabelos prateados, porte alto e robusto. Um dos homens mais belos que já havia visto. Nós conversamos por um tempo, até que ele me convidou para dançar. Em meio a dança, ele conduzia meus passos. Suas mãos começaram a contornar meu corpo. Cada vez mais, com o ritmo da música, meu calor aumentava, até o ponto do ápice onde ele olhou de forma penetrante em meu olhar. Logo senti uma das melhores sensações: um beijo como nunca antes. Pude notar seus lábios nos meus, sua língua encostando na minha. Nossos olhos fechando enquanto nossos corpos se entregavam um ao outro.

Após a visão, meus olhos expressaram seu último brilho que se esvaiu, enquanto juntamente meu semblante ficou opaco. Seguido de uma luz intensa o orbe se estilhaçou, cortando nossas mãos com seus cacos de cristal. Estava tão extasiada que nem tive reação perante o machucado. A garota a meu lado parecia surtar, falando rudemente em direção a Heiko, enquanto que sua pele parecia mudar de composição, tornando-se acinzentada até parecer uma espécie de metal. Enquanto isso eu ainda estava incrédula, sem demonstrar uma ação. Meu coração de um acelerado palpitar passou para batidas vagarosas.

Então era ele, o belo homem de cabelos prateados, que estava faltando em minhas memórias, que anda me gerando essa frustração por não conseguir lembrar de algo tão marcante em minha vida. E Lucy? O que ele teria a ver com Lucy? A julgar pela aparência dos dois, devem ser parentes, ou melhor, o pai de Lucy sumiu de forma que nem mesmo ela conseguia recordar, então provavelmente ele seria seu pai.

— Onde ele está? Você sabe onde estão as pessoas de nossas memórias? — Perguntaria a Heiko.



HP: 495 ( - 5) | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Sem considerações.
Itens:


Última edição por Blair' em Sex Ago 17, 2018 4:46 pm, editado 1 vez(es)
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 17, 2018 3:43 pm




Lembranças foram apagadas...
 Eu sentia o conforto nos braços de Domi, apesar da minha cara chorosa. Eu não sabia ao certo o que fazer, apenas escutei as palavras do outro, não entendendo muito bem o que ele dizia, acho que minha idade me impede de saber muito sobre o passado do mundo, principalmente quando se trata do mundo humano. - Ela é maluca ou é sempre assim... Falei em um baixo tom, enquanto olhava a garota estranha.

A esfera tinha aparência esquisita, mas não deixei de notar que apesar da ocasião eu não sabia ao certo se seria seguro, Domi se aproximou e eu caminhei juntamente e tive que voar para alcançar a esfera.

Pharos se encontrava pareando sobre o ar, no chão havia um exceed, obviamente igual e ele, pescando em um lago juntamente com um senhor de cabelos loiro/castanho, bem mais velho, pareciam feliz e cantante. O gato cantarolava algo em meio a todo momento e conseguia de fato pescar algo, brincavam de contar piada e permaneciam felizes nessa ocasião, ele provavelmente nunca havia pescado e o homem lhe ensinou. Apesar disso, conseguiu de fato ficar mais próximo e quando tentou toca-lo, voltou para a realidade

A esfera arranhou a sua pata e o fez dar um pequeno grito, olhou de modo raivoso para o moço e berrou. - Eu não consigo lembrar disso, porque eu não consigo? Moço, quem é ele, quem é esse senhor e onde ele está… Balançou os braços em uma reação imediata de desespero e continou   - Domi, por que não consigo lembrar


Status
HP: 305/305/MP: 210/280. Eu,Domi, Candy e Blair..   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 17, 2018 7:55 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.



Era reconfortante ter Pharos alí, embora um tanto estranho ser chamado por um informante sem nem menos entender o que regia aquela história toda. Elis mal reparou nas garotas, havia tanta coisa envolvendo tais recentemente que ele simplesmente botou na cabeça que simplesmente esperaria o desenvolvimento das coisas, simplesmente lançou um breve e discreto olhar conferido às sinuosidades das mesma alí presente, demorou um tanto encarando a comissão de frente de ambas mas logo retornou a acariciar o Exceeds como se já detivesse tirado toda conclusão que podia.


Com a aparição de Heiko. Elis cruzou os braços e começou a assentir como se a historia do homem fizesse muito sentido. E embora detivesse um certo domínio sobre a história e conhecesse de fato o famigerado Natsu da Fairy tail como também o Dragon Slayer de Fogo Ace, ele simplesmente não se importava. Sua relação com tais não eram boas, provavelmente por suas mágia constratarem de tal modo que havia uma singela iniciativa de extinguir tal ramo se a oportunidade surgisse.


— Você é muito, muito! Famoso! A gente ouve que você ficou louco depois da caçada ao Duque pelo presidente… E embora eu não entenda direito o motivo da Rika ter feito isso, sabe? Gosto da chelonia mydas. Fico triste em ter perdido ela, para o… —



Parou notando que havia falado por demais, sendo assim sorriu sem graça tornando a ficar quietinho na sua. Com a retirada da Orbe, Elis como os demais encostou a palma de sua mão no mesmo. Era um tanto estranho ter que se espremer para encostar com os demais em um único Orb, mas era por um bem maior.


“Era um tanto distante. Ele pode encontrar ele mesmo sentado, próximo de um banco onde dali um homem um tanto mais velho que o mesmo se aproximava. Alí na memória, podia notar que era mais fraco, menos palpável do que era agora. O homem iria passar direto, mas seja lá por qual obra do destino ambos começaram a interagir. Elis pode notar que alí era nos arredores do conselho, lembrava do dia, mas jamais tinha ideia do homem alí, simplesmente isso estava borrado, apagado. A memória em questão fora do dia em que ele ingressou as fileira do conselho mágico, pois agora que parava para pensar. Realmente era um tanto estranho ser aceito em tal organização sem a ajuda de alguém que atestasse por ele.”


Com o fim daquilo, sua mão sentiu um pequeno corte que o fez franzir a testa. Recuou mais pelo susto do que pela dor pois havia questões, havia tantas coisas que ele não conseguia ligar, mas agora, talvez fizesse sentido. E se uma pessoa tivesse lhe direcionado para um caminho certo, pois, de fato sentia que seria bem fácil concretizar os desejos de Yoko como se fossem seus, lutar e lutar e crescer sempre buscando aprimorar sua experiência, mas agora que parava para pensar: O homem da memória parecia ser importante. Ao menos era isso que julgava ao assistir aquilo.


Com o fim daquilo, tornou a dar alguns passos para trás. Levou a mão até a testa como se espremesse mais daquilo, mas ainda uma maioria esmagadora se demonstrava vazia, não havia mais nenhuma referência em sua cabeça sobre Ele.


Com a pergunta de Pharos e dos demais, Elis pela primeira vez ficou um tanto irritado, raramente alcançava tal estado de emoção mas a situação já estava bastante louca.


— Calem a boca. —


Vociferou enquanto encarava Heiko, provavelmente era um dos únicos que conhecia a história por dentro da organização.


— Essa memória faz de você um não louco, pelo menos para mim.  —


Agarrou Pharos se desculpando por mandar ele calar a boca, mas não se arrependia.

EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sab Ago 18, 2018 12:20 pm

Lembranças que podem se tornar vivas


Todos haviam tido uma pequena degustação da lembrança dos desaparecidos. o sangue de todos pingavam sobre a mão de Heiko. Alguns cacos que estavam sobre a mão dele absorveram o sangue dos magos e começaram a flutuar diante deles.

-Nun, ke ni havas sangon iĝas la cirkelo de la pasinteco kaj montras al ili, kie ilia mastro kaŝas. Mi ordonas ... Malkaŝi la vojon!!!

Aqueles fragmentos se tornavam um só  formando uma nova orbe porem desta vez parecendo ter algo vivo ali. Ela flutuava e tomou uma distancia de aproximadamente 30 metros ao norte de Heiko. Flutuando sobre a superficie do mar, parecia que agora ela estava guiando o caminho como se alguém parecesse que queria ser seguido.

-Agora peço a vocês que não crie contendas caso contrario terei de usar a força para neutraliza-los

Heiko materializava uma espada estranha em sua mão canhota e a mesma parecia ter vida pois ela tinha um olho que olhava fixamente para a Dragonslayer.


-Se quer ter mais respostas, melhor abaixar a sua bola antes que eu tenha que fazer você deixar de ser uma maga. Para os demais por favor entendam que estou aqui unicamente para tentar fazer justiça. Eu mesmo quero que o império saiba que o Real vilão é o ex-presidente e pra isso preciso dos amigos de vocês vivos.

O mesmo se virava de costas para o grupo e adentrava a embarcação.

-Sintam-se a vontade de entrar na embarcação caso queiram realmente reencontrar essas pessoas. Se vierem em busca de confusão virarão alimento para os peixes. Educação é uma coisa que prezo e ordem também.



OBS: Estão livres para fazerem duas rodadas de ação até terça feira. interajam entre vocês.


____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Dom Ago 19, 2018 9:41 am


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
Apesar de nervosa, Candy não parecia ser a única. Todos ali pareciam querer buscar respostas de alguma forma e querendo ou não seus objetivos estavam ligados , buscar quem eram as pessoas daquelas memórias. O menor de cabelos brancos havia gritado para que todos se calassem e isso apenas aumentou ainda mais a ira do demônio rosado,  esta iria avançar em direção ao mesmo, mas surpreendida pela pequena demonstração de Heiko, ficou parada no local vendo os cacos da "orbe das lembranças" se transformar em outra coisa. A orbe pareceu começar a flutuar para algum lugar que a dragon slayer não se deu o prazer de observar ; seus olhos estavam fixos no homem , no único que parecia ter as respistas certas naquele momento. Ao passo que o mesmo materializou uma especie de espada, o corpo de Candy começou a voltar ao normal tornando-se róseo novamente –  Já que pede com tanta educação   – sua cauda balançou de forma agitada, a dragon slayer estava inquieta naquele momento. Candy esperou o homem falar e entrou na embarcação já sentindo os primeiro sinais de que aquela viagem seria mais longa do que o que realmente parecia. Buscou então se enfiar em algum lugar onde pudesse deitar quieta e ali ficou.


205/210
370/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Seg Ago 20, 2018 2:51 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
O pequeno garoto e o animal demonstraram-se confusos. O menino gritou mandando que todos calassem a boca. Eu ainda estava conturbada com a visão e aquele sentimento estranho que se remexia dentro de mim, mas algo que minha personalidade não poderia admitir é um garoto qualquer dirigir suas palavras de tal maneira para mim. Não sei o que ele deve ter visto ali no orbe, se foi algo que o deixou muito impactado, mas ele parece conhecer Heiko.

Eu de forma alguma gostaria de trabalhar para o Conselho, ou de trabalhar ao lado de um de seus soldados. Contudo, esse homem parece ter as respostas que procuro, e para cumprir minha promessa à Lucy e a mim mesma, acredito que relevar esse assunto por esse breve momento seja necessário.

O orbe que se estilhaçou em nossas mãos, através das palavras de Heiko em um idioma desconhecido, como a proclamação de um feitiço, tomou a coloração de nosso sangue e se reconstituiu em uma nova esfera, a qual flutuou em direção ao mar, afastando-se cada vez mais da orla. Esse seria o nosso guia para as respostas de nossas perguntas.

O homem continuou uma explicação, deixando claro que era necessário nosso comportamento, sem criar desavenças. Apesar disso, eu não queria nada ali além de chegar ao destino e encontrar aquele homem de cabelos prateados das minhas memórias perdidas. Eu não sei explicar, mas eu o quero como nunca pensei que poderia querer estar perto de alguém. Se ao menos eu conseguisse lembrar de seu nome, já seria um alivio a mais.

Junto a suas palavras, Heiko materializou uma espada e logo deu as costas subindo na embarcação. Acredito que tal atitude seria para impor respeito, como uma maneira de avisar o que ele é capaz de fazer, algo a se temer. Apenas suspirei, consentindo assim como todos os outros, e acompanhando o homem de cabelos ruivos para a embarcação.

O garoto e o gato já deviam se conhecer, e provavelmente ficariam juntos. Agora a menina cor de rosa não, deveria estar tão perdida quanto eu, na verdade, todos aqui estão perdidos, aposto que até mesmo Heiko está e não sabe a verdadeira força daquilo que estamos indo de encontro. Mas esses pensamentos deixaria para analisar depois, outrora seria melhor aconchegar-me em algum canto.

Poderia ver a demônio escorando-se para se aquietar. Logo, iria em sua direção, por simplesmente não ter nada do que fazer. Sentaria em algum lugar perto da rosada, cruzaria as pernas e olharia para o horizonte do mar.

— Gostei do seu jeito. Personalidades fortes são boas. E o que te torna mais forte é saber a hora de recuar. — Falaria, procurando interação com a garota.


HP: 495 | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Sem considerações.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Seg Ago 20, 2018 7:51 pm




Lembranças foram apagadas...
Eu simplesmente cruzei os meus braços e enchi as bochechas com relevância, não terei as respostas de imediato e isso me deixou com um humor péssimo.   - Nhaa, lá vamos nós. Aquela situação toda foi uma coisa sem qualquer explicação. Só me liguei mesmo quando aconteceu de adentrar no navio.  - Peixeee, nha!  Gritei quando o outro citou o nome e permaneci inquieto dentro da embarcação. Enquanto meus olhos percorriam toda a extensão do local fiquei perto de Domi a todo momento e arregalei meus olhos quando a maluca decidiu ficar quieta no canto dela, afinal, todas as pessoas precisam de um tempo para si. Me joguei no chão e apenas fiquei olhando para o céu, não há limite para mim, mas de onde eu não quero mais voltar, pois quem sabe realmente encontrei o meu lugar. Olhei de relance para a outra garota que permanecia olhar Domi e eu, apesar de não estar confortavel com isso, me mantive quieto no meu canto, tentando aliviar a pequena dor que sentia na pata.

- Eu espero que tenhamos uma ótima viagem, mas eu não sei se irei aguentar até o final. Disse, pensando em como isso seria esquisito, já que estou acostumado a voar.
Status
HP: 300/305/MP: 210/280. Eu,Domi, Candy e Blair..   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 21, 2018 6:59 am


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


E com a conclusão cada um deles acataram naturalmente o pedido de Heiko. Embora Elis estivesse mais encucado em ter assimilado aquela arma com algo que lhe lembrava "borda da alma", seguiu em frente deixando isto para depois. Apenas pode seguir com os demais para dentro do barco, este que de maneira nenhuma parecia bom o suficiente para aguentar uma viagem longa até as terras gélidas do norte, mas ele já se cansou de tentar colocar alguma lógica quando as coisas mágicas estavam envolvidas.

— Pharos! —

Chamou o pequenino rapidamente. Elis compreendia muito bem que sua origem provinha do Oeste, sendo assim nunca fora habituado a estar no norte do mapa o que lhe deixava com algumas dúvidas devido às sutis diferenças de temperatura, no entanto, este era o momento de confiar no treinamento do dragão Yoko e sua caminhada até ali.

— Quem você viu na esfera? Um homem de cabelos longos e de óculos? —


A memória da esfera já estava desbotada como se algo intangível estivesse constantemente tentando brecar qualquer alternativa de se lembrar efetivamente de tal pessoa, mas fora isso ele constantemente se esforçava para lembrar dele.

Elis não demostrou muito interesse nas garotas, provavelmente por estar no mesmo barco e ter de constantemente se perguntar se realmente valia a penas embarcar em algo duvidoso, mas desde que estivesse com Pharos estava bom de qualquer forma.

— Enfim, nada de voar. Permaneça junto comigo e se a situação precisar use as “ cobaia” em seu lugar. —


Piscou para ele demonstrando um breve sorriso. Assim finalmente se virou para as demais, perguntou quase levantando uma bandeira.

— E como era a...! pessoas! da visão de vocês? —

Ele havia mordido a língua, mas fora isso a pergunta saiu perfeitamente.

HP:  220/225
MP:  375/375



EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Qui Ago 23, 2018 7:01 pm




Lembranças foram apagadas...
Eu estava simplesmente parado olhando o mar, apesar de um certo receio de estar sendo observado, não pude negar que meu estômago revirava a cada momento.    - Nhaa, SIIMM, um homem um pouco alto e com uma aparência meio velha. Mas como você sabe disso, Domi, nha?   Falei em um tom alegre e com as patas juntas, meu canino apitava em direção ao braço de Domi, queria mordê-lo, mas não fiz isso já que não faria sentido nenhum, se for pensar em relação ao nervosismo, talvez esse seja um dos motivos. Fiquei por perto e não pude evitar demonstrar um enorme sorriso enquanto esticava as meus pequenos braços em direção a ele. - Okay, nha. Não vou ficar longe e nem voar.   .  

Esperei por alguns momentos até que Domi decidiu conversar com os demais, cruzei os meus braços e permaneci atrás de suas pernas, numa expressão que dava a entender que não estava afim de conversa com os demais, minha intuição dizia que todos ali não eram bons, principalmente a garota de cabelo laranja, a olhava mostrando um pouco a língua. 

Status
HP: 300/305/MP: 210/280. Eu,Domi, Candy e Blair..   ?.

Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 8:38 am


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


A sua pergunta permaneceu no ar por um tempo agoniante, sendo assim abaixou a cabeça olhando para o piso de madeira pensando um pouco sobre isso. A falta de conversa no barco estava clara, poderia presumir que ninguém alí estava com vontade de conversar com ele e Pharos, algo inédito! Pois até o momento o Exceeds conseguiu descongelar os corações mais amargurados, sendo assim ele também estava curioso sobre a índole duvidosas daquelas pessoas.

Com Pharos próximo a ele. Apenas assentiu de uma maneira sem graça, não havia um leque tão grande de amigos divididos entre eles, com isso em mente só poderia ser a mesma pessoa na qual eles estavam buscando, esta que estaria envolvida tanto com Elis assim como ter influenciado Pharos. Compreendendo isso ele se calou esperando Heiko dar início a viagem, agora restaria entender o quão complicada seria essa bruxa do norte.

— Ei Pharos. Estamos cercados de gente mal encarada, melhor a gente tomar cuidado. Certo? Lembra dos mercadores negros? Sim? Aquelas duas não parecem tão diferente, ainda mais quando não identificaram qual guilda são... —

Indiferente às demais reações ele começou a difamar de forma educada.

— Então, lembra do Ace? Sim! Aquele Dragon Slayer cabeça de cinzas? Sim o que deixou a Sorah ser queimada? Então, Dragons Slayers costumam ter probleminhas como você bem sabe e viu. Vamos tentar não irritar esse tipo de gente. —

Piscou para ele soltando uma risadinha esperando que o Exceeds lhe acompanhasse nisso, era um fato. Poderia fazer isto a viagem toda.

HP: 220/225
MP: 375/375




EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 10:47 am

Lembranças que podem se tornar vivas


À medida que todos entravam naquela embarcação Heiko se dirigia o convés e tomava o lugar do timoneiro colocando uma pulseira em seu braço e a mesma era ligada ao convés do navio o barco começou a se mover; parecia que aquele barco era movido a magia.
Horas mais tarde a noite caiu e um grande nevoeiro Começou a tomar em torno do navio era engraçado pois depois do nevoeiro tomar o barco não se sentia mais o balançar das ondas quando todos perceberam o barco que antes navegava pelo Mar agora navegava pelos céus e o que Todos pensavam que eram nevoeiro na verdade eram as nuvens.
Quando o barco acendeu Acima das nuvens era fácil de se ver Três Monstros diferentes no deck do barco não obstante também não se podia encontrar heiko e mesmo quem estava próximo após o nevoeiro não se encontravam Possivelmente aquele poderia ser um grande ataque.

Obs: Apos o nevoeiro desaparecer nenhum de vocês consegue ver os outros jogadores porem cada um de voces estao cercados por três monstros. Voces estao em partes da embarcaçao distintas, embora o barco parecesse ser muito menor de que onde estavam.


Blair- você está dentro de u quarto gigantesco em um cruzeiro os os monstros estão em partes distintas do quarto sendo que um deles está com a cabeça da pessoa que vc viu em suas lembranças na mão  (ele nao esta decaptado esta apenas sendo segurado pelo cabelo) e a criança desmaiada no outro braço

Candy- você se encontra no deck do navio vendo o homem de cabelos negros amarrado quase desfalecido e pendurado em cima de grandes navalhas. Ali também se encontram 3 monstros

Pharos- você está em uma ilha paradisíaca e em uma balança uma cesta cheia de peixes deliciosos porém caso a balança pende para o outro lado, o homem velho afunda dentro de uma cova com crocodilos. Ali tam se encontram 3 demônios para impedi-lo de ir até o homem

Eda- você vê um homem velho, porém este está um pouco mais velho que o da sua visão ele está acorrentado na parede e pelo que parece cada vez que ele tenta sair as correntes apertam mais; dá pra notar isso pois o tornozelo e o pulso esquerdo estão esmagados e quebrados. Ali tbm tem 3 demônios.

Antes do nevoeiro pegar a todos . Voces estavam próximos uns dos outros.
Todos que sao dragonslayers recebem menos 5 de velocidade e suas magias custam o tripo de de mana por causa do enjoo de estar em um meio de transporte

____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 11:22 am


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
Candy havia ficado em seu canto, o enjoo que sentia era tamanho que poucas eram suas forças para fazer qualquer coisa, apenas contar a vontade incessante de colocar tudo o que havia no estômago para fora do barco. A ruiva havia se aproximado da Dragon slayer comentando algo sobre o que havia feito e está apenas dera um meio sorriso em resposta , mas antes que pudesse voltar a concentrar-se em seu enjoo, o garoto de madeixas brancas e o gato alado começavam a se aproximar fazendo perguntas sobre quem havia visto na visão, Candy aos poucos piscou escondendo sua forma verdadeira para que pudesse ter uma melhor conversa ali –  Um homem alto….   – começou falando controlando o enjoo – Cabelos negros e olhos tão penetrantes quanto a noite mais densa… mas eu nunca o vi na vida – após a frase teve tempo apenas de virar-se para o balde mais próximo o expulsar de seu estômago tudo que ali houvesse – Eu odeio meios de transporte... – comentou acertando os cabelos agora vermelhos , esperou os outros falarem, mas acabará por ouvir o garoto pronunciando algo sobre outro Dragon Slayer–  Eu não sei se sua intenção era me atingir, mas o que vem de baixo não atinge Candy Jasper. A mais resistente da Tartarus. – sua frase aos poucos foi dando lugar a uma estranha preocupação, o cheiro do mar já não era mais presente e seus ouvidos não conseguem mais captar o som das ondas contra a madeira da embarcação.

Um estranho nevoeiro surgia do nada, e com dificuldade Candy se levantava – Mas que merda... – murmurou, seus sentidos parecia estar anestesiados de alguma forma – Onde esse cara tá levando a gente? – perguntou olhando para a ruiva , mas aos poucos o cenário onde estava parecia mudar. O nevoeiros começava a sumir e Candy já não sentia mais tanto enjoo como antes, o céu negro estendia-se a sua frente e por algum motivo seus olhos se arregalaram quando fintou melhor o local onde estava –  VOCÊ!?   – esbravejou ao notar que o homem que havia visto em sua visão estava agora a sua frente, mas amarrado e sobre o que parecia ser lâminas. Antes que se movesse haviam três mostra a sua frente, o que fez a Dragon Slayer ranger os dentes –  Eu não sei quem você é, mas preciso de respostas e o moreninho de você vivo.   – comentou sentindo o metal novamente tomar seu corpo. Sua destra esticou-se e brilhou logo tomando a forma de uma espada de ferro – Vocês não vão me impedir de fazer absolutamente nada – brandou a espada para um lado e para o outro como se estivesse sentindo o peso do metal
técnicas usadas:


Nome: Escamas do Dragão de Ferro (鉄龍の鱗 Tetsuryū no Uroko)
Rank: D
Base: Transformação
MP Gasto: 20 ( + 10 por turno ativo )
Duração: indeinida
Alcance: alvo ( candy )
Descrição: Candy cobre parte do seu corpo (ou ele inteiro) em escamas de ferro, aumentando drasticamente suas habilidades ofensivas e defensivas. Quando soca ou chuta com essas escamas, ela é capaz de criar rajadas fortes de vento através da mera força cinética;  Essas escamas são fortes o suficiente para quebrar ossos e são resistentes contra chamas regulares, e muito mais fortes que o ferro normal. Bonificação gerada pela transformação é acrescido em 5 pontos para Dano físico e resistência física. Sua velocidade decai em - 2 m/s devido ao peso do metal.

Nome:Tetsuryūken (Espada do Dragão de Ferro) (鉄竜剣, Tetsuryūken)
Rank: D
Base: Ofensiva
MP Gasto: 20
Duração: 3 posts ou até ser destruída. Durabilidade = 150.
Alcance: 1 metro
Descrição: Candy transforma seu braço em uma grande espada de ferro com dentes afiados para executar ataques fortes. Ela pode fazer os dentes se movimentarem rápido e agirem com uma serra elétrica.



205/210
250/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 2:22 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
Minhas palavras ressoaram de maneira leve aos ouvidos da garota cor de rosa, essa que com meio sorriso consentiu meus dizeres acerca de sua personalidade. Fora uma boa maneira de receber-me, penso eu, pelo seu nítido temperamento conturbado, eu posso crer que saberia caso ela não tivesse gostado. Contudo, a garota aparentava estar meio desconfortável, não comigo, mas parecia que ela só queria ficar quieta.

Antes que eu pudesse concluir meus pensamentos sobre se deveria ou não continuar falando com a demônio, aquele garoto aproximou-se e nos dirigiu a sua palavra. Não entendi exatamente o porquê de se importar com o que se passou em nossas memórias, ele claramente já estava de complô firmado com o animalzinho, o qual evidentemente não foi com a minha cara, visto sua careta para comigo. Todavia, talvez não passe de uma curiosidade de menino, coisas que garotinhos tem de sobra.

Um silêncio se firmou dentro de alguns instantes, acredito que assim como eu, a cor de rosa não sabia muito bem se deveria ou não responder. Apesar de que logo após o período calado, a garota respondeu o que tinha em sua memória: um homem alto, de cabelos negros e semblante misterioso. E antes que eu pudesse pronunciar-me, o garoto apenas rejeitou-nos, virando-se para o gato e mais uma vez com audácias em suas palavras. A risada do pivete era nítida aos meus ouvidos.

Candy, a demônio cor de rosa, em seu pronunciar nos esclareceu seu nome e o que acredito ser sua guilda: Tartarus. Ela não deixou barato os comentários infames do menininho e seu gatinho. Apenas aproximei minha mão de meus lábios e dei uma breve risada de cinismo. Não me importava ou tinha a menor curiosidade de saber sobre quem ou o que os dois viram em suas memórias. Eles estavam unidos e notavelmente não estavam de bem com a minha presença e a de Candy.

— Tão bobinhos... — Falei em tom de desprezo, olhando-os de cima a baixo, julgando suas maneiras infantis de agir.

O tempo estava passando na embarcação, e com ele o mar parecia se intensificar. A umidade do ar começava a ficar mais forte e com isso um suspeito nevoeiro começava a invadir o local. A rosada olhou para mim, furiosamente indagando sobre o que estava acontecendo ali, para aonde Heiko estaria nos levando.

— Eu também não sei, mas é bem suspeito. — Respondi olhando ao redor, vagando meu olhar pela densidade da névoa que aos poucos borraria meu campo de visão, até o ponto de não poder ver nada além de uma grande mancha esbranquiçada para qualquer lado que olhasse.
O nevoeiro não apenas acabou com minha visão, mas também pareceu acabar com minha audição. Não conseguia mais ouvir os outros que ali estavam. Um silêncio se firmou.

Gradativamente o nevoeiro começou a se desmanchar. Instintivamente meu olhar correu por todo o local, analisando o que estava acontecendo. Foi quando me surpreendi, eu não estava mais no mesmo lugar de antes. Parecia ser um grande quarto, gigantesco na verdade, e então meus olhos se arregalaram ao deparar-me com o que de fato arrancou-me um fôlego de susto: o belo homem de minha visão estava sendo segurado pelos cabelos por uma horrenda criatura, e a menina, Lucy, estava desmaiada em seu outro braço.

— LUCY!!! — Gritei eu ver a garota desacordada nos braços daquele ser. Haviam mais dois monstros no local. Automaticamente corri em direção a Lucy, provavelmente os outros dois monstros tentariam me impedir. Eu não estava entendo o que de fato estava acontecendo, se isso era real ou não. Mas parecia muito verdadeiro, e eu não poderia deixar nada acontecer à menina e ao homem de minhas memórias. Eu prometi!

Teria a noção de que os monstros poderiam vir em minha direção, logo, tendo em mente seu possível avanço, soltaria meu chicote, antes preso em minha cintura, e tentaria desferir um golpe contra o braço/pata da primeira criatura que aparecesse. Não apenas tentaria golpear com uma simples chicotada, mas pretenderia enroscar a corda da arma para segurar a criatura, e desequilibra-la tendo a pretensão de leva-la ao chão, tirando-a de meu caminho. Em seguida, já sacaria minha adaga e estaria preparada para um ataque ou contra-ataque.



HP: 495 | MP: 500 | VEL: 20 m/s

Considerações:
• Ações com base na tentativa;
• Velocidade de movimento e de ataque com base na velocidade de corrida: 20m/s.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 5:12 pm




Lembranças foram apagadas...
Domi fez questão de me lembrar dos mercadores, um passado do qual quero esquecer, mas como lição ele vive me recordando isso. Bom, não foi tão ruim dessa vez, apesar de meus pensamentos ter ficado um tanto bagunçado devido a quantidade de movimento do barco, mas isso não me fez ficar enjoado, somente Domi que não parecia estar tão bem assim. O homem havia nos levado para um local totalmente desconhecido e senti muito medo nessa hora, por isso permaneci de braços cruzados e com a enorme vontade de comer peixes para me acalmar. A noite surgiu de uma forma tão rápida que até me assustei, tratei logo de ficar bem mais perto de Domi, mas o nevoeiro que veio a seguir fez-me afastar dele.  Olhei para um lado e em seguida para o outro, não conseguia enxergar nada além de meu miúdo corpo.    - Domi? Pra onde você foi…   Dizia com um tom triste e com as minhas orelhas já baixas.

E quando pisquei ambos os olhos eu estou em uma ilha, arregalei o máximo que podia e esfreguei ambas as minhas patas no meu rosto para realmente saber se estava sonhando. - Mas eu estava no navio, nha.   Cocei a minha cabeça e cerrei o meu olhar para enxergar mais a frente, uma balança, um senhor estava de um lado e uma cesta cheia de peixes!!  Tentei correr em direção a aquilo, mas fui impedido por três monstros, foi ai que percebi que a minha tarefa não era comer e sim tentar ao máximo salvá-lo de cair.

- Não se preocupe, moço. Eu vou te salvar, nha. Fechei meus pequenos punhos e ativei as minhas asas e voaria o mais alto possível para não ser atacado. Invocando um clone e tentei fazê-lo ir diretamente no monstro a minha frente, iria atrapalhá-lo. Em seguida, faria o clone voltar para mim e tentaria segurar a mão dele o jogando contra o monstro da esquerda, em direção ao seu pés. E aproveitaria o momento para ir juntamente com o clone. Comandei o clone para ir por um lado contrário ao meu e pedi para que atacasse primeiro, apenas um ataque falso, pois quando chegasse perto do monstro iria desaparecer e ativaria novamente para atacá-lo pelo meu lado, obviamente que se um ou outro tentasse impedir usaria total velocidade contra isso. Em um modo de defesa, caso fossem usuários de magia, minha defesa de clone poderia resolver essa situação, mas não a técnica, somente deixarei o clone a minha frente, tentando máximo impedir a aproximação deles e mirando no pescoço as unhadas e mordidas que tentei dar neles. Tentando ao máximo voar em direção ao senhor pendurado do outro lado, apesar de ter vontades o suficiente para comer, salva-lo seria a melhor opção, nha.
Status
HP: 300/305/MP: 130/280. Eu,Domi, Candy e Blair..  Velocidade: 20 M/S  ?.



Técnicas Usadas:


Nome: Attacker Clone
Rank: D
Base:Ataque
MP Gasto: ---
Duração: Instantâneo
Alcance:10 M/S
Descrição: Pharos só pode atacar com essa técnica se estiver voando e um clone estiver por perto, ele simplesmente segura o braço do clone, o gira e o lança (o clone) em direção ao inimigo, o clone sofrerá dano corporal, mesmo acertando ou não o inimigo. Mas vai dar dano caso acerte o alvo. (O HP que ele vai perder se acertar o inimigo ou não, vai depender da estrutura que o mesmo acertar)



Nome: Help-me Pharos
Rank: D
Base: Suporte
MP Gasto: 20 MP
Duração: ilimitado
Alcance: N/A
Descrição: Quando necessário Pharos ativa a sua magia de modo eficaz, estando pronto para reagir. Sendo assim crescendo um par de asas similares a de um anjo, suas penas são longas o suficiente para lhe permitir voar concedendo um aumento de velocidade + 2m/s á Pharos e a capacidade de suportar uma pessoa além de quando ele ativa suas asas sua resistência física aumenta (+ 5)


Nome:Lucky Punch
Rank: D
Base: Ataque
MP Gasto: 20 MP
Duração: Instantâneo
Alcance: N/A  
Descrição: Pharos normalmente não ataca, mas quando necessário, ele ao avançar cria um clone que corre ao seu lado em direção ao inimigo, o mesmo fica a todo momento ao lado do Exceed e com uma sincronia de movimentos ambos começam ir de um lado para o outro, cruzando com o clone, assim, um para o lado esquerdo e o outro para o direito, assim saltando em um golpe em forma pinça contra o adversário..

Clone Magic / 20 Mp (Reativando o clone - 20)- 10 por Post para Manter.
Pharos
avatar
Mensagens : 58

Localização : Ao lado do Domi.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 10:09 pm


Memento.
Nós que aqui estamos por vós esperamos.


Com o começo da viagem tudo começou a desandar. Uma vez que ele estava começando a ficar enjoado preferiu apenas ficar em posição fetal dando breves sinais de vida, realmente era sua primeira experiência. Ele não compreendia lá muito bem o motivo de ser afetado pelo enjoo pois jamais fora atingido por isso antes.

Ouviu a resposta da garota levantando um breve joinha para a mesma, não havia mais nenhuma vontade em conversar depois do início da viagem. Apesar de ter memorizado o nome dito, preferiu permanecer imóvel sem desperdiçar energia. Quando a névoa invadiu sua narina ele se forçou a levantar, olhou em volta não notando nem Pharos muito menos os demais tripulantes.

Quando menos esperou o nevoeiro desapareceu deixando ainda os contornos de três monstro presente. Elis sentiu um estranho frio no estômago, provavelmente enjoo. Destoou um breve olhar para além daquilo, olhando diretamente para o velho com a mais simples das indiferença, não o reconhecia.

— Eu nem mesmo lembro de você… —

A visão periférica esquadrinhou os demônios calmamente esperando alguma reação deles, estava claro para o garoto se os mesmo não prosseguisse em um ataque ele também não reagiria mesmo sentindo uma aversão quase natural pela raça.

— Como você chegou a este estado? Para me influenciar a este ponto VOCÊ é incrível, mas fora pego descartado… Quem é você? —


Pela segunda vez tornou a olhar para as criaturas, tentou sentir o odor delas, mas era tão fraco aquilo que ele já não sabia separar tudo por uma boa margem. A risada do fundo da garganta ecoou como um ronronar de gato, aquilo, ele era tão relevante para o atual Elis que era um tanto estranho ser afetado por isso.

— Eu estou indo atrás de você pelas respostas: Quem é você... Por que eu escolhi você. Por que você teve de morrer e apagar minhas memórias… Querer forçar alguma coisa neste exato momento é pedir por uma recompensa infrutífera, não sinto nada por você … Talvez agonia, Não… VOCÊ é simplesmente uma incógnita para o meu ‘eu’ atual. Não tente morder mais do que pode mastigar. —

Permaneceu ali encarando a figura do idoso acorrentado sem problemas, proferindo um simples e interessante monologo. De fato ele não era alguém frio, mas aquela cena não havia incrementando ou despertado nenhum novo sentimento ou memória, simplesmente algo passável um completo desconhecido que alimentava sua alma com um grande vazio.

Mas os olhos das crianças destoavam um breve brilho perverso em especial contra os demônios, haveria necessidade...

HP:  220/225
MP:  375/375

Percepção: 30 + 17 M/S

MoveSpeed: 0 M/S

EDA
avatar
Mensagens : 178

Idade : 12

Localização : ERA / Conselho magico.


Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
225/225  (225/225)
MP:
375/375  (375/375)
EDA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sab Ago 25, 2018 2:45 pm

Lembranças que podem se tornar vivas


Parecia um sim voltar com o que acontecia todos eles seguiam em direção aos Magos que os enfrentavam os Monstros pareciam um pouco mais determinados atacar quem estiver se avançando.

Pharos - você vê um dos monstros mudando a colocação de sua pele e materializar uma lamina cortante, porem ele parece esta debilitado juntamente com um segundo monstro. Já o terceiro solto um grito assustador. O estranho eh que o monstro que esta passando mal encara fixamente voce.

Blair- você vê um dos monstros mudando a colocação de sua pele e materializar uma lamina cortante, porem ele parece esta debilitado juntamente com um segundo monstro. Já o terceiro cria asas e levanta voo e assume uma posição de batalha. O estranho eh que eles parecem estar se encarando entre si porem o alado se assusta um pouco quando voce grita o nome da Lucy. O que materializa a lamina parece que mesmo segurando a menina nao se intimida perante a sua presença

Eda- você vê um dos monstros mudando a colocação de sua pele e materializar uma lamina cortante, porem ele parece esta debilitado juntamente com um monstro alado que assume posição de ataque Já o terceiro soltou um grito assustador. O monstro alado lhe encara porem ele parece se assustar com o grito de um dos monstros.

Candy- você vê um monstro debilitado juntamente com um monstro alado que assume forma de batalha e outro soltando um grito assustador. O monstro que grita olha fixamente contra voce como se quisesse arrancar sua alma.

( desculpem eu postar embolado assim mas eu estou ocupado no momento mas quis adiantar esta parte pois não haveria muita interação dos Monstros dúvida pode me perguntar em inbox ou no discord')
____________________________________________

(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 989

Narrador

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Seg Ago 27, 2018 1:42 pm

In my mind

Feelig: Confused • Notes: What? • Clothes: this
Aquela visão era amedrontadora. Ver Lucy e seu pai desacordados nos braços daquelas criaturas terríveis estava causando-me arrepios por todo meu corpo. Estava tudo muito estranho pois o restante das pessoas não estava mais ali, Candy e os outros simplesmente sumiram, assim como não estou mais no mesmo lugar de antes.

Um dos monstros ergueu um par de asas e levantou voo, enquanto que o que segurava o belo homem de minha visão transformou seu braço em uma espécie de lâmina. Já o terceiro não se manifestou, parecia até mesmo um pouco abatido a julgar pela sua postura, como se estivesse debilitado por algum motivo. O alado pareceu espantar-se após eu gritar o nome de Lucy, enquanto que o ser com a lâmina não mostrou insegurança, pelo contrário.

A situação estava deveras estranha, sem nenhum sentido o que estava acontecendo. Na verdade, nada estava fazendo muito sentido desde que chegamos aqui. E Heiko? Onde ele estaria? Junto aos outros? Não parece que alguém tão forte quanto ele poderia ser abatido por esses tipos de criaturas. Afinal, o que será que ele quer mesmo com a bruxa? E o que temos a ver com isso?

Uma série de indagações começaram a invadir minha mente e a tomar conta dos meus pensamentos. Não estava confiando no que meus olhos estavam vendo, por mais que parecesse muito real, uma visão de fato nítida, mas algo me dizia que não deveria confiar nisso. Como um instinto de sobrevivência tentando me nortear.

Fecharia os olhos, procurando recompor minha postura, bem como minha respiração. Em diversos treinos meus, os próprios exercícios físicos, exigiam uma boa respiração para uma boa oxigenação do cérebro e assim conseguir uma concentração melhor. Não sei bem explicar os processos e como isso funciona no organismo pois não sou nenhum tipo de perita na área, só sei que quando me concentrei em minha respiração em meus treinos ajudou-me a polir minha mente. Afinal, há um bom tempo minha cabeça está carregada com assuntos pertinentes a essa perda, essa falta em minhas memórias e as preocupações com o passado responsável por me ligar a Lucy. Sem falar que não deixei a menina em qualquer canto, eu a deixei sob os cuidados de uma maga da Fairy Tail. Então não tem sentido ela aparecer aqui do nada.

E pensando bem, Heiko realmente parece alguém suspeito. Deve esconder muita coisa de nós. Não iria confiar em alguém tão fácil assim, ainda mais sendo do Conselho Mágico. Meu passado e toda a minha história criam quase um bloqueio para me impedir de simpatizar com esse tipo de pessoa. Essa situação pode até mesmo ser um tipo de teste, uma maneira de Heiko ver se somos dignos da missão. Afinal, fora eu, haviam mais três pessoas, uma delas mostrou-se capaz de mudar a consistência de seu corpo. Agora, há três monstros, e um deles também passou por um processo de transmutação, sendo seu braço virando uma lâmina. E enquanto, o quarto, o suspeito, Heiko, não estava mais aqui, sem sinal de um quarto ser. Poderia ser tudo uma loucura da minha mente, mas poderia ser verdade. E então, o que eu teria a perder?

Tendo em mente minhas ações, tentaria me concentrar apenas nas minhas dúvidas, e esquecer o que estava vendo ali. Com os olhos fechados diria:

— Não sei exatamente o que está acontecendo aqui. Mas isso está errado. Se alguém está fazendo isso, provavelmente pode me ouvir, então pare agora mesmo!



HP: 495 | MP: 500 | VEL: 2 m/s

Considerações:
• Ações com base na tentativa.
Itens:
Blair'
avatar
Mensagens : 112


Ficha de magos
XP:
250/400  (250/400)
HP:
500/500  (500/500)
MP:
500/500  (500/500)
Blair'

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Ter Ago 28, 2018 1:48 pm


What a Hell's goin on, can someone tell me pleasy
Memories that become alive
Candy não conseguia entender o que estava realmente acontecendo ali. O homem de cabelos negros não parecia bem e aqueles monstros não ajudavam em nada estando ali; um deles havia apenas gritado. O outro voava como um pássaro e o último apenas continuou estático, como se planejador algo ou apenas estivesse ausente daquela estranha luta.

Respirou fundo e andou alguns passos para frente com bastante dificuldade, o metal em seu corpo podia diminuir sua velocidade, mas seria o suficiente para proteger o corpo; a lâmina no braço aos poucos começou a girar e tudo que a demônio fez foi sorrir , haviam três alvos...um objetivo… e Heiko havia sumido “ e tudo comigo agora…” pensou indo em direção ao monstro alado colocando a lâmina giratória a frente do corpo apenas com o sorriso macabro estampado em sua face.
técnicas usadas:


Nome: Escamas do Dragão de Ferro (鉄龍の鱗 Tetsuryū no Uroko)
Rank: D
Base: Transformação
MP Gasto: 20 ( + 10 por turno ativo )
Duração: indeinida
Alcance: alvo ( candy )
Descrição: Candy cobre parte do seu corpo (ou ele inteiro) em escamas de ferro, aumentando drasticamente suas habilidades ofensivas e defensivas. Quando soca ou chuta com essas escamas, ela é capaz de criar rajadas fortes de vento através da mera força cinética;  Essas escamas são fortes o suficiente para quebrar ossos e são resistentes contra chamas regulares, e muito mais fortes que o ferro normal. Bonificação gerada pela transformação é acrescido em 5 pontos para Dano físico e resistência física. Sua velocidade decai em - 2 m/s devido ao peso do metal.

Nome:Tetsuryūken (Espada do Dragão de Ferro) (鉄竜剣, Tetsuryūken)
Rank: D
Base: Ofensiva
MP Gasto: 20
Duração: 3 posts ou até ser destruída. Durabilidade = 150.
Alcance: 1 metro
Descrição: Candy transforma seu braço em uma grande espada de ferro com dentes afiados para executar ataques fortes. Ela pode fazer os dentes se movimentarem rápido e agirem com uma serra elétrica.



205/210
300/ 390
Tag: Somewhere + Words: 666 + Outfit: here
Candy Jasper
avatar
Mensagens : 40


Ficha de magos
XP:
50/250  (50/250)
HP:
210/210  (210/210)
MP:
390/390  (390/390)
Candy Jasper

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissoes deste sub-fórum
Você não pode responder aos tópicos neste fórum