Últimos assuntos
» [The Awakening] Dracula is coming home
Sab Out 21, 2017 8:51 pm por Alucard

» Tiny Dragon Slayer ready to fight
Sab Out 21, 2017 8:14 am por Killua

» O ciclo infinito de uma história sangrenta
Qui Out 19, 2017 8:33 pm por Angra Mainyu

» {Entrada} Power duo Part Two
Qui Out 19, 2017 3:50 am por Safira

» Criações de Manon C.
Qui Out 19, 2017 3:26 am por Eternyun

» Aviso de narração.
Qua Out 18, 2017 8:01 pm por Angra Mainyu

» [Técnicas] Rise of the Northern Star
Ter Out 17, 2017 6:28 pm por Celestia

» [Entrada} Poderes que se unem, que se combinam, que destroem empecilhos.
Ter Out 17, 2017 3:05 pm por Eternyun

» [Testes] Meus templates e tudo mais
Ter Out 17, 2017 11:15 am por Killua

STAFF
Eternyun
ADM Fundador
Contate-me
KILLUA
ADM Auxiliar
Contate-me
FANG KRIEGER
ADM Auxiliar
Contate-me
ANGRA MAINYU
Narrador
Contate-me
DESCONHECIDO
Nenhum
Contate-me
DESCONHECIDO
Nenhum
Contate-me
Conectar-se

Esqueci minha senha

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 18 em Seg Fev 27, 2017 7:06 pm
Parceiros
Parceiros

:: Topsites Zonkos - [Zks] ::


[Ficha] Angra Mainyu

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Ficha] Angra Mainyu

Mensagem por Angra Mainyu em Qui Out 12, 2017 2:50 pm


Dados pessoais:

Nome: Angra Mainyu (Tenebris)
Idade: 17
Raça: Humano
Sexo: Masculino
Altura: 1,67 m
Peso: 58 kg
Personalidade: Se tivessem que escolher uma palavra para descrever Angra, seria "Louco". Os diversos experimentos tiveram suas consequências com Angra, principalmente psicológicas, ninguém é mantido preso no subsolo desde os 3 anos e mantêm a sanidade intacta, principalmente ao serem experimentados. Angra desenvolveu grande paranóia, seus olhos não ficam parados em um lugar por muito tempo, ficam em constante movimento, analisando e calculando possíveis inimigos ou rotas de fuga.

Para tentar manter sua sanidade, ainda quando criança, Angra desenvolveu dois amigos imaginários, sua consciência boa e má, com a sua própria aparência, mas em versão chibi. Além disso, outro resultado dos experimentos foi: dor fantasma, em momento aleatórios, Angra começa a se coçar, de vez em quando até grita, como se estivesse sentindo a dor que sentiu ao ter as tatuagens forçadas em seu corpo.

Sem grandiosos objetivos em mente, ele quer apenas uma coisa, a morte do chefe por trás do projeto: Tenebris.

Aparência: Angra se veste como uma andarilho do deserto, usando um tecido branco que cobre todo seu corpo, deixando apenas os olhos livres. O que o diferencia são as 2 máscaras de barro que estão cada uma em um ombro, presas por tiras de couro que passam pelo seu peito e costas, cada mascara tem uma expressão diferente, a do ombro esquerdo mostra tristeza e a do ombro direito felicidade. Além disso ele tem um cinto feito de um tecido marrom um pouco mais grosso que o tecido que cobre seu corpo, com uma moeda dourada no centro e duas longas tiras de tecido livres.
Roupas.:


As roupas escondem um corpo magro e levemente tonificado, com um bronzeado natural, diversas tatuagens negras com as bordas vermelhas marcam a totalidade de seu corpo, cabelos negro-acinzentados que mais parecem carvão e olhos cor de avelã que se movem sem parar a procura de um inimigo invisível, graças a sua paranóia. A sua aparência exótica e olhar enlouquecido, causam um efeito intimidador inconsciênte.
Corpo.:


Dados do personagem:


História:  
O vento uivava calmamente em uma floresta dentro de Fiore, passando através das árvores e balançando suas folhas, silenciado o som dos diversos animais que ali viviam, mas curiosamente, oculto no meio de diversas árvores havia um tronco, olhando de forma superficial não se perceberia nada errado, mas se alguém fosse e passa-se a mão no tronco perceberia que tinha uma textura metálica ao invés de madeira.

O tronco na verdade era a entrada para um conjunto de corredores que pareciam compor um labirinto, os corredores velhos com paredes de metal enferrujado levavam para diferentes salas, algumas eram laboratórios outras salas médicas, mas alguns eram bunkers que serviam como celas para milhares de pessoas, crianças e adolescentes, curiosamente, todos do sexo masculino e com a capacidade de usar magia. Um número mínimo de dois guardas protegiam cada sala de ameaças e impediam os prisioneiros de fugirem, cientistas iam e voltavam pelos corredores, de vez em quando carregando prisioneiros para os laboratórios com a ajuda dos guardas. O que faziam? Nem mesmo os cientistas sabiam, apenas haviam sido escolhidos a dedo pelo seu chefe para trabalharem no denominado "Projeto: Tenebris".

Infelizmente não importa quantas vezes tentassem, nenhuma de suas tentativas dava certo e para piorar o prisioneiros morriam, o chefe do projeto estava ficando cada vez mais irritado, ele não podia se dar o luxo de raptar mais jovens para o experimento já que o conselho mágico estava atras dele, assim continuou até sobrar apenas um, um garoto de apenas 5 anos que ali vivia desde os 3 anos, o garoto sem nome foi levado para a mesma câmara onde todos os outros tinham se submetido ao experimento e morreram. Deitado e amarrado em uma maca o garoto foi injetado com diversos produtos químicos, no inicio ele não sentiu nada, mas após alguns minutos a dor se fez presente, começou apenas com uma ardência e aos pouco foi se tornando maior, até o momento em que parecia estar sendo constantemente esfaqueado por todo o corpo, a dor era tamanha que seus gritos ecoavam por toda a instalação.

Minutos que mais pareciam horas se passaram, o garoto não conseguia mais gritar, mas a dor ainda permanecia, os cientistas então começaram o segundo passo, um dos cientistas foi até uma máquina que jazia encostada no canto da câmara e pegou duas placas metálicas ligadas a máquina por um fio, suavemente ele foi até o garoto e as colocou nele, uma no meio do peito e outra na barriga, outro cientista que estava parado ao lado da máquina puxou uma alavanca da dita máquina que a ligou, um núcleo de energia se iluminou na máquina, a energia passou pelas diversas ligações até chegar no cabo e ir para as placas metálicas. A energia desconhecida invadiu o corpo do garoto e se espalhou, triplicando a dor que sentia.

A energia invasora adentrou os músculos e órgãos do garoto, afetando-o a nível celular, marcas lentamente apareceram no garoto, pareciam tatuagens tribais vivas que se enrolavam e contraíam
abaixo de sua pele, aquilo eram tatuagens de Ethernano que quando ativas melhorariam o desempenho do portador. A sensação obviamente incômoda das tatuagens se moverem era obstruída pela dor, os cientistas olhavam com olhares esperançosos, ninguém havia passado deste ponto, se o garoto agüentasse mais 5 minutos o projeto finalmente estaria em seu 3º passo e eles não seriam assassinados pelo seu chefe.

O tempo parecia torturar psicologicamente o garoto assim como os cientistas, então quando a máquina se desligou sozinha após os 5 minutos passarem e o garoto permaneceu vivo o efeito se tornou imediato, os cientistas começaram a comemorar a felicidade era tão óbvia quanto seus sorrisos, então os guardas entraram e levaram o garoto que tinha desmaiado para uma cela especial.

Anos se passaram e a cela se tornou a casa do garoto agora chamado de Tenebris, eles o testavam todos os dias, tirando o final de semana onde o garoto tinha a permissão para ficar sozinho o dia todo em sua cela. Assim ele viveu até completar os 16 anos, quando se aproveitou de um momento de descuido de seus guardas para fugir, ironicamente, usando o poder que ganhou com eles. Os anos presos abaixo do solo trancado e experimentado constantemente tiveram um pedágio com a mentalidade de Tenebris, transformando-o em alguém louco e paranóico. Ao fugir ele viajou sem saber para onde ia até adentrar um deserto e nele encontrar um acampamento de um andarilho que dormia, aproveitando o momento de fraqueza, Tenebris o matou e roubou todos os seus pertences, com os pertences de um andarilho do deserto ele vagou e mesmo com péssima habilidades de sobrevivência, viveu nesse deserto por um ano até encontrar um dirigível pertencente a uma Dark Guild chamada "Grimoire Hearts", agora com a marca negra em sua língua, ele é um membro de rank C.

Curiosamente, alguns meses antes de encontrar o dirigível, Angra percebeu que no meio dos pertences do andarilho havia um livro de mitos antigos, e mesmo com sua mínima habilidade de leitura, ele conseguiu lê-lo, no livro encontrou algo que chamou sua atenção, a história de um garoto que tinha servido de bode expiatório para uma vila, na qual teve em seu corpo tatuado todos os pecados da humanidade e morto como uma maldição. Se conectando com a história ali escrita ele decidiu se livrar do nome que tanto odiava e adotar o nome do garoto.

Angra Mainyu.

Status: Hp: 400
Mp:425


Dados Mágicos:


Magia: Darkness Magic
Magia Adjacente: Inicialmente, nenhuma

Força Física: 1
Resistência Física: 1
Força Mágica: 3
Resistência Mágica: 1
Velocidade: 13

Perícias:
-Atuação: você é um ator. Pode simular emoções que não está sentindo.
-Intimidação: Você convence as pessoas usando ameaças e coação, além de conseguir desestabilizar algumas até com o olhar.
-x
-x
-x

Inventário:



_________________

♞ For the doom of Fiore, Darkness is mine to command !  
i'm not just another peon of this chess game
avatar
Angra Mainyu
Rank C
Rank C

Mensagens : 135
Data de inscrição : 01/02/2017

Ficha de magos
XP:
150/200  (150/200)
MP:
425/425  (425/425)
HP:
400/400  (400/400)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ficha] Angra Mainyu

Mensagem por Eternyun em Sab Out 14, 2017 2:35 pm

Ficha Aprovada

_________________

Nunca deixarei um amigo ou ente querido morrer, por mais que isso seja normal, usarei meu corpo se preciso para proteger outras pessoas. Me tornarei uma rocha resistente a quase todas as coisas, mas ainda sim me manterei doce e delicada como as pétalas de sakura que carpeteiam o chão nos dias de primavera
avatar
Eternyun
Admin
Admin

Mensagens : 430
Data de inscrição : 27/01/2017

Ficha de magos
XP:
0/100  (0/100)
MP:
50/50  (50/50)
HP:
60/60  (60/60)

Ver perfil do usuário http://fairytaileternum.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum