.
fairy tail
eternum
15/07 O tópico de regras foi atualizado com algumas informações referentes ao nickname de suas contas. Pedimos para que leia e caso esteja irregular, solicite a modificação para um administrador.

08/07 Lembramos a alguns usuários que os avatares precisam estar obrigatoriamente no tamanho 250x400, pedimos para que atualizem-os, afim de deixar o código ajustado de forma correta.

08/07Após algumas semanas de diversas mudanças, acreditamos que desta vez, o layout do fórum estará em sua forma definitiva. O problema dos links de acesso rápido foram consertados.
Últimos assuntos

Missão Rank D - A Noiva Desaparecida - Pharos

Ir em baixo

Missão Rank D - A Noiva Desaparecida - Pharos em Seg 14 Maio 2018 - 21:26

Missão Andarilho

Missão: A noiva Desaparecida
Rank: D
Objetivo:  Doriana estava muito feliz com o dia do seu casamento. Ajudou a organizar tudo e participou de todas as cerimônias antes do grande dia. Entretanto, no dia do casamento ela sumiu misteriosamente sem deixar vestígios. O noivo encontra-se desolado e enviou pedidos de ajuda para todas as guildas da região. Porém, muitas rejeitaram por não achar que fosse um trabalho digno de um mago.
Recompensa: 2.000 Jewels

@Narrador escreveu:
- Mínimo de 30 linhas.
- Descreve desde o momento que pegou a missão, introdução, desenvolvimento e conclusão.
(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 981
Narrador
MAGO CLASSE
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Rank D - A Noiva Desaparecida - Pharos em Ter 15 Maio 2018 - 1:43




O medo do desconhecido.


Me lembrei dos velhos tempos, dos dias tristes, dos ventos, a minha vida não era tão simples de se viver, sempre pensava que cada dia que passava eu me tornava um ser infeliz e ruim. Todos os meus medos, segredos, um dia iriam desaparecer... Mas era apenas um exceed inseguro, a vida fez com que uma certa pessoa viesse até mim, mostrando-me o verdadeiro sentido de amor e amizade, mas até hoje não esqueço de tudo que passei para chegar até aqui.

A minha vida como mago estava prestes a se tornar uma aventura divertida e perigosa, mas por alguns segundos de ternura uma voz respondeu a minha fala; entenderam perfeitamente e encontraram um pergaminho com algumas informações sobre a missão desejada. -- Bom… Não vou te oferecer algo de grande porte já que tu me pareces ser fraco. Essa frase ecoou na minha mente e rapidamente como um tiro, acertou o meu cérebro, bugou a minha coordenação motora e eu automaticamente peguei ranço daquele ser, mas relevei já que podia ser uma boa missão.  - Vou desconsiderar essa tua frase disforme, meu caro amigo.  Meu olhar percorria toda a extensão do pergaminho e prestava a devida atenção a cada detalhe.  - Mas… Sério? Não tens algo diferente ai? O homem atrás do balcão encostou o seu cotovelo no próprio balcão e gesticulou com o dedo indicador um belo ‘não’; pude sentir a raiva subir no meu corpo, me controlava para não pular em seu pescoço,  provavelmente não confiaste em mim para oferecer-me algo mais interessante. -- Somente esse aqui. Cutucou o pergaminho como se fizesse questão de mostrar que aquilo era a única coisa que conseguiria naquela ocasião… -- É melhor você se apressar.   Sua mão apontou para o relógio e eu pude perceber que o tempo passava e precisava resolver aquele mistério antes do anoitecer.

Respirei fundo e guardei o pergaminho na minha pequena mochila que se encontrava atrás de minhas costas, caminhei em direção a saída e então ouvi cochichos envolvendo a mim, pelo visto riam somente porque havia aceitado fazer essa missão; Tudo estava pronto para o casamento, mas a noiva sumiu misteriosamente e o noivo ergueu fundos para pedir ajuda a quem pudesse encontrá-la. Sem vestígios, disse o mesmo no pergaminho, então como iria saber sobre a moça? Retirei-me do local pensativo, comecei a correr, preparei minha mente e pude sentir a magia fluir dentro de mim, minhas asas se ergueram num piscar de olhos e eu comecei a sobrevoar a cidade, usando a minha habilidade especial, aumentando a velocidade. Enquanto estava no ar comecei a pensar em mil soluções para o caso, mas a principal seria me encontrar com o noivo para maiores informações. - Como é possível uma noiva abandonar tudo e desaparecer desse jeito… Algo não me cheira bem, só que dessa vez o culpado não sou eu.

Demorei um tempo para encontrar o rapaz que havia emitido a missão, não foi fácil localizar ele com essa quantidade de pessoas na cidade, mas ao vê-lo comentei que eu havia pego, seus olhos brilhavam de alegria e ao mesmo tempo de tristeza, pelo visto não sabia ao certo se eu, um exceed,  seria bom o suficiente para encontrar a sua amada. Ele se explicou e colocou o seu ponto de vista, visando o óbvio; colocou a culpa na atual noiva e meus olhos arregalaram, seu jeito de falar não era nada amigável. Por fim, notei que estava bravo, mas que na real o amor por ela ainda predominava. O mesmo não havia fotos recentes de sua noiva e me deu a localização da casa de sua sogra. Saltei para fora e voei novamente em direção ao local, demorei um pouco para achar já que a sua casa se escondia entre duas bem grandes. Bati três vezes na porta, uma senhora atendeu, vestida com uma roupa social, pronta para participar de um casamento. Logo me apresentei. - Desculpe a minha falta de educação, mas sou o responsável pela busca de sua filha. Seus olhos se encheram de lágrimas e ela retrucou, quase chorando. -- Por favor, faça tudo o'que for possível para encontrá-la, temo que já seja tarde demais e… Não quero estar certa nisso. E com essa emoção toda eu a pedi uma foto recente de sua filha, me dando isso, voei novamente a procura.

Todo o meu voo foi o em vão, vamos supor que não é fácil encontrar alguém assim, sinceramente… Estou pensando em desistir disso, talvez eu não seja o bastante para concluir essa missão, não sou um rastreador e muito menos alguém que contém boa memória. Novamente tornei a me concentrar no meu corpo, pude sentir a magia nas minhas veias e com um piscar de olhos, um clone apareceu ao meu lado, eu estava tentando me manter imóvel no ar enquanto batia as essas. - Queres comer, né? Ajude-me a encontrá-la. Ergui as minhas mãos em direção a ele, mostrando a foto. --- Moça linda, cheia de vida, ai vou euuuuu!! Cruzei as minhas patas e fiquei boiando um pouco, pelo visto uma personalidade que se apaixona facilmente. Retornei ao meu foco, sobrevoei casas, meus olhos analisava cada detalhe dos becos e ruas sem saída da cidade. E quando foi necessário desci para perguntar aos cidadãos sobre a moça na foto. Minha fofura ajudava-me a perguntar, literalmente o preço pago foi ter as bochechas apertadas por algumas mulheres e até cavaleiros! Isso foi ótimo já que uma informação crucial foi dita por uma jovem. -- Se não me engano ela passou por mim, lembro  de vê-la correndo de véu e grinalda, um vestido maravilhoso, mas você é um gato, não é o noivo, é? Perguntou sem rodeios, olhei fixamente em seus olhos e enchi as bochechas de vergonha, me despedi dela, não antes perguntando o exato local que a viu.

Pouco tempo depois de estar novamente sobrevoando, encontrei meu clone, ele não havia encontrado NADA, mas estava cheio de marcas de batom, pelo visto andou sendo beijado por possíveis garotas enquanto EU estava totalmente ocupado com a missão, não podia continuar a contar com a sua ajuda, por esse motivo fiz-o desaparecer com apenas uma mexida de cauda.

Era quase fim de tarde, provavelmente por volta das 5h, notei por causa do desaparecimento do sol, voei mais baixo, muito mais do que o normal, desviando das pessoas e das barracas de venda, quase dei de cara com um brutamonte, mas desviei perfeitamente. E quando passei por uma rua, uma mulher com as mesmas características apareceu, gritei alto, muito alto. - Ei você! Bati minhas asas perto de seu rosto, o vento fez seu véu sair de sua cabeça e cair no chão. - Finalmente! Sua mãe, seu noivo, estão preocupados com você. Pousei no chão, novamente a minha fofura ajudou a simpatizar com a mesma, tanto que ela me pegou em seus braços e me apertou, falando com uma voz fininha, chata e irritante para meus ouvidos. -- Owhh que coisa mais fofa! Qual o seu nome? Ela perguntava toda inocente, sentia que algo não estava indo tão bem e que a mesma estava somente enrolando. - Pharos… Mas voltando ao assunto… Ei! Coloquei a minha pata no seu rosto e disse num tom mais fofo possível. - Concentre-se  em mim, tudo bem? A mesma assentiu com a cabeça e ficou calada. - Por qual motivo razão ou circunstância, você desapareceu? Fiz uma certa força para sair de seus braços e pisei no chão, a noiva que se chamava Katerin permaneceu em pé, seu olhar rebaixou-se ao ponto de até me deixar triste com a situação. -- Tenho medo do desconhecido, tudo foi tão rápido, eu entrei em desespero, Pharos… Tenho medo de não conseguir lidar com o fato de casar, logo ter filhos… Quero ir com calma e se possível na velocidade mais baixa possível… Fiquei a merce de suas palavras, até entendia o fato dela ter tido tanto medo de se casar, mas desaparecer ao ponto de deixar seus entes queridos preocupado, não fora uma das ideias mais espertas do mundo. - Bom… Venha comigo, confie em mim, nha. Fiz uma carinha fofa e novamente minhas asas apareceram, segurei suas mãos e comecei a voar com ela. A mesma estava usando algo por baixo do vestido, não dava para enxergar nada e aquilo lhe fez sentir livre, conversamos enquanto voávamos.

O diálogo foi longo e cansativo, quando cheguei novamente no local, pude notar que a mesma estava ainda nervosa, mas as palavras que ela ouviu no caminho ajudou a sua mente a se abrir, saindo daquela bolha de medo. - Se me der licença, partirei agora… Minhas patas foram seguradas e Katerin se curvou dando um belo e apertado abraço em mim.  - Até mais… Coisas boas estão por vir, não tenha medo de viver, fique com quem tu amas e serás feliz, nha. Comecei a voar novamente, a missão fora concluida com sucesso; o aprendizado de hoje foi ‘como o medo do desconhecido pode afetar as pessoas, mas se colocarmos amor e uma boa conversa, tudo irá se resolver.’


Magias Usadas:
Nome: Help-me Pharos
Rank: D
Base: Suporte
MP Gasto: 20 MP
Duração: ilimitado
Alcance: N/A
Descrição: Quando necessário Pharos ativa a sua magia de modo eficaz, estando pronto para reagir. Sendo assim crescendo um par de asas similares a de um anjo, suas penas são longas o suficiente para lhe permitir voar concedendo um aumento de velocidade + 2m/s á Pharos e a capacidade de suportar uma pessoa além de quando ele ativa suas asas sua resistência física aumenta (+ 5)

"Clone Magic" Magias rank D: Pode criar 1 clone.


?
?. nota ?  ?. nota ?  ?. nota

Pharos
avatar
Mensagens : 57
Localização : Ao lado do Domi.

Ficha de magos
XP:
70/600  (70/600)
HP:
305/305  (305/305)
MP:
280/280  (280/280)
Pharos
MAGO CLASSE
Rank D

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Rank D - A Noiva Desaparecida - Pharos em Ter 15 Maio 2018 - 21:22

Avaliação



Missão Aprovada.
+1 Missão rank D
+50 XP
+2.000 Jewels




Descontos
HP: 205/205
MP: 160/180
Descontos
Observações:
Você foi ótimo na missão, realizou a proposta pedida com bastante criatividade. Parabéns. Peço apenas que se atente aos pontos finais. Frases longas deixam o texto um pouco cansativo. E o que se referia a segunda magia? Os gastos, descrição? Não esqueça de inserir no final em spoiler todas as magias utilizadas.


(C) Ross
Narrador
avatar
Mensagens : 981
Narrador
MAGO CLASSE
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Rank D - A Noiva Desaparecida - Pharos

Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado
MAGO CLASSE

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissoes deste sub-fórum
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fairy Tail Eternyum - 2018
Layout por Akeido (Hannibal).