Fairy Tail Eternum
Fórum role-play de Fairy Tail.
15/07 O tópico de regras foi atualizado com algumas informações referentes ao nickname de suas contas. Pedimos para que leia e caso esteja irregular, solicite a modificação para um administrador.

08/07 Lembramos a alguns usuários que os avatares precisam estar obrigatoriamente no tamanho 250x400, pedimos para que atualizem-os, afim de deixar o código ajustado de forma correta.

08/07Após algumas semanas de diversas mudanças, acreditamos que desta vez, o layout do fórum estará em sua forma definitiva. O problema dos links de acesso rápido foram consertados.
Últimos assuntos
» Registro de magias
Qua Nov 14, 2018 1:00 am por Crimson

» Ficha - Adam Schneider [Em Construção]
Ter Nov 13, 2018 1:40 pm por Schneider

» [Parceria] The Leaky Cauldron
Dom Nov 04, 2018 11:37 pm por Rebeca Pieterse

» [Parceria] - Fighters RPG!
Dom Out 21, 2018 1:26 am por Fightersrpg

» [PARCERIA] Blood Survivors RPG
Seg Out 08, 2018 2:12 pm por BS RPG

» Chegando com o pé na porta.
Sab Out 06, 2018 1:00 am por Death

» [Procurados] Carnificina Rage
Qui Out 04, 2018 7:27 am por Death

» [RP atemporal] - Um mundo cinza
Seg Out 01, 2018 3:10 pm por Nie Li

» Registro / Solicitação de narrações
Seg Out 01, 2018 9:01 am por Nie Li

» [Treinos] - Nie Li
Seg Out 01, 2018 8:59 am por Nie Li

» [ - TREINO - ] Testando limites
Sex Set 28, 2018 6:47 pm por Cameron Dupont


[Missão Rank D] O demônio e as velhinhas

Ir em baixo

Postado em Qui Ago 23, 2018 8:14 pm

Um passeio nas cavernas
O demônio e as velhinhas
Ainda era de manhã quando peguei minha missão no bar do cabeça de javali, então fui diretamente pro local da missão. Enquanto andava por Magnolia, eu olhava para o papel de missão em minhas mãos, após conferir o endereço do asilo que solicitou ajuda, sigo meu caminho.
Após 30 minutos de caminhada, chego em frente ao asilo, que possuía uma placa dourada inconfundível, em que estava escrito em letras enormes:




ASILO IDADE DE OURO


Fui até a porta e dei algumas batidas, até que uma moça de meia idade me atendeu:

-Bom dia senhor, posso ajuda-lo? - ela tinha um sorriso no rosto, mas quando olhou bem Nie Li sentiu um arrepio na espinha e diminuiu o sorriso lentamente, mas não pela aparência, apenas eu sabia que isso era por causa da minha aura intimidante.

Enquanto pegava o papel de missão e mostrava a ela para evitar uma situação estranha, respondi - Bom dia, foi daqui que solicitaram essa missão?

Ao olhar para o papel em minha mão, percebi que ela relaxou, e colocando novamente um sorriso no rosto, começou:

- Ahhhh foi aqui sim! eu sou Jainna, a que solicitou a missão! Então você é o mago que eles enviaram? - sem me deixar responder, ela voltou a falar - A situação é a seguinte, algumas das nossas residentes do asilo organizaram uma excursão para as cavernas de água termais de Balsam, e é uma viagem curta de apenas 1 hora de ida e 1 hora de volta, então não vi problemas coma ideia, mas já se passaram 4 horas desde que saíram e ainda não tive noticias elas, poderia investigar?

Olhei com tranquilidade para a moça e respondi - Prazer Jainna, meu nome é Nie Li. Vou te ajudar, apenas me diga a direção que elas seguiram e partirei imediatamente.

Após me dar as direções e um mapa simplificado, me despedi de Jainna e fui a procura das senhoras seguindo o caminho especificado no papel, quando cheguei em uma encruzilhada percebi algo estranho, haviam pegadas leves no chão de um dos caminhos, mas esse não era o caminho correto para as cavernas, e intrigado segui as pegadas a procura das senhoras.
Após 2 horas de caminhada, depois de seguir um caminho estranho que as pegadas me levavam, cheguei a uma clareira na floresta, em que haviam 5 senhoras conversando com um ar triste mas também exaltado:


- Ah não Gertrudes! eu disse que deveríamos ter virado a esquerda lá atrás! - Disse uma senhora bastante revoltada


- Nem comece Filomena, nem comece! - retrucou outra senhora

- Já chega vocês duas! - Disse uma velhinha com rosto gentil, interrompendo a briga

Todas pararam por algum momento enquanto abaixavam a cabeça e suspiravam, não se sabia o que estavam pensando naquele momento. Quando der repente, a que foi chama de Filomena observou a minha aproximação e imediatamente arregalou os olhos e começou a correr em círculos gritando:

- AHHHHHHHHH BANDIDOOOOOOO!!! SOCORROOOOOO!!! ELE QUER VIOLAR MINHA ALMA IMACULADA PELOS PECADOS CARNAAAAAAIS!!! Ó MEU DEUUUUUUS

Me assusto levemente pela reação estranha da velhinha, mas antes que pudesse dizer alguma coisa, as duas outras idosas que estavam antes apenas assistindo a briga se juntaram a Filomena e começaram a gritar os mesmos tipos de absurdo enquanto corriam em círculos em pânico. 

- Essas três... - Disse Gertrudes suspirando, enquanto olhava para mim apologeticamente 

Depois de alguns segundos de gritaria e desespero, fecho os olhos, respiro fundo e digo gritando:

- CHEGA! - Todas olham para mim naquele momento, então volto a falar - É o seguinte, eu sou um mago andarilho e me chamo Nie Li! Vim aqui pois a senhoria Jainna requisitou, para levar-lhes novamente ao asilo, então parem com essa gritaria!

- Desculpe pelas minhas colegas estéricas ali senhor mago, ela são bastante... impressionáveis por qualquer coisa - disse a velhinha de rosto gentil com um sorriso - enfim, muito prazer, eu sou a Elizabeth, aquelas são Filomena e Gertrudes, e as duas ali atrás são as irmãs Geralda e Maria - aponto uma a uma enquanto apresentava o grupo para mim - poderia nos ajudar a voltar para o asilo?

- É para isso que estou aqui, então vamos in- antes de terminar a frase, ouço uma voz masculina vindo das árvores atrás de mim:

- kekekekeke achei que tinha ouvido uma gritaria daqui, mas não esperava esbarrar em presas para eu roubar kekekeke

O homem era de porte médio, assim como eu, mas tinha muitas cicatrizes espalhadas pelo corpo e varias ataduras em seus braços. Analisando a situação para encontrar a melhor forma de lidar com o bandido, me coloco em frente as velhinhas em posição de proteção e começo a pensar. Depois de alguns instantes o bandido falou novamente:

- O rapaz corajoso vai tentar lutar é? vamos ver do que é capaz! - puxou uma adaga da cintura e veio pra cima de mim tentando uma estocada na cabeça

Quando observo as ações do inimigo, pego um punhado de terra do chão e jogo em minha frente, então usando minha magia, controlo a terra pra ir em direção aos olhos do bandido, cobrindo sua visão por algum tempo. Mesmo sem ver, ele continua sua estocada, nesse momento libero minha forma demoníaca, deixando minha pele e cabelos brancos, bem como aparece uma carapaça com um cifre negro do lado esquerdo de minha cabeça. Isso demora pra descrever, mas aconteceu em instantes, logo me agacho levemente e me lanço em direção ao peito do inimigo com meu chifre.
Junto com uma onda de poder gravitacional, acerto ele em cheio, desviando da estocada e jogando ele voando para trás até bater em uma árvore, e com raiva ele limpa a terra dos olhos, e enquanto levanta percebe um buraco de 3cm de profundidade em seu peito sangrando, enfurecido ele olhou pra mim gritando:

- Seu moloque de mer- Nesse momento ele viu minha forma demoníaca e juntamente pressionado pela minha aura intimidadora, ele entrou em pânico - de-de-de-de-de-DEMONIOOOO - em pânico ele fugiu para a floresta 

Ufaaa - Suspirando volto a minha aparência humana, apenas para ver as velhinhas apreensivas atrás de mim - Por favor senhoras, relaxem. É apenas uma transformação para assustar o bandido... - Tive que mentir, afinal, explicar que sou um demônio seria uma bagunça

Fomos todos voltando pelo caminho de fios de crochê, e mesmo estando cautelosas inicialmente, depois de algum tempo e alguma conversa, as senhoras pararam de me ver como um estranho. Algumas horas depois, já próximo do fim da tarde, chegamos ao asilo, onde expliquei toda a história e contei como tudo aconteceu, e com uma reação irritada de Jainna, ela olhou para as senhorinhas e disse:


- Não acredito que vocês se perderam! sabem o o quanto eu fiquei preocupada? - após se acalmar, Jainna olha para elas já bem mais calma - que bom que nenhuma de vocês se feriram e estão todas bem... -virando apara mim nesse momento, ela volta a falar - Obrigado por tudo senhor Nie Li, aqui está uma prova que você completou sua missão e pode retirar sua recompensa - ela me passa um papel com algumas coisas escritas

- Não foi nada, se cuidem por favor - após me despedir, me curvando para todas elas, fui seguindo meu caminho de volta para o bar Cabeça de Javali pegar minha recompensa, no meio do caminho murmurando para mim mesmo - que bom que minha estratégia de assustar o bandido o pegando desprevenido com a minha forma demoníaca deu certo, senão seria uma batalha amarga... talvez seja a hora de criar algumas técnicas para me defender...

HP | 210
MP | 190
VEL | 2m/s

missão:

Nome: Passeio nas cavernas.
Rank: D
Descrição: Um grupo de senhoras do asilo " Idade de ouro" organizou uma excurção para visitar as cavernas termais de Balsam, mas por engano acabaram errando o caminho e não chegaram a seu destino. Vá até o asilo saber mais detalhes.
Cliente: Jainna , Cuidadora do asilo.
recompensa 2.000 jewels


Copyright ©? 2017 All Rights Reserved for Mayu Amakura at Lotus Graphics
Nie Li
avatar
Mensagens : 126


Ficha de magos
XP:
0/700  (0/700)
HP:
700/700  (700/700)
MP:
900/900  (900/900)
Nie Li

Voltar ao Topo Ir em baixo

Postado em Sex Ago 24, 2018 7:30 pm

Avaliação


Missão Aprovada:
+ 50 Xp
+ 2000 Jewels


(C) Ross

_________________

_ Katana _
Avaliadora_Narradora_Moderadora

Katana
avatar
Mensagens : 461

Katana

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissoes deste sub-fórum
Você não pode responder aos tópicos neste fórum